Carlos Eduardo Lino, sobre acerto entre Lucas Lima e Fortaleza: 'Pode ter sido um gasto em vão'

·2 minuto de leitura


Anunciado oficialmente como novo jogador do Fortaleza, Lucas Lima divide opiniões dentro do futebol. Depois de surgir como revelação do Santos, entre 2014 e 2017, o meia de 31 anos nunca foi unanimidade no Palmeiras, seu ex-clube. Para o comentarista Carlos Eduardo Lino, do SporTV, o acerto com o jogador foi um 'gasto em vão' do tricolor de aço.
+ Veja a posição do seu time no Brasileirão

Recentemente, o flagrante do camisa 20 em uma festa clandestina abalou seu futuro dentro do clube paulista. Punido pela diretoria alviverde, Lucas Lima perdeu espaço e não atua há quase três meses.

Segundo Lino, as características do meia não são compatíveis com a intensidade imposta pelo Fortaleza do argentino Juan Pablo Vojvoda.

- Acho uma contratação destoante. Ou pelo menos diferente. Pode ser uma peça para mudar o ritmo da equipe, mas quem vai ter que se adaptar é o Lucas Lima. Ele não se parece nada com essa equipe do Fortaleza. Você imagina o Fortaleza com intensidade, pegada, movimentação o tempo inteiro, mas não lembra do Lucas Lima. Não diria que é um erro de avaliação, é uma tentativa de ter no elenco um jogador "diferente". Mas pode ter sido um gasto em vão - disse no 'Seleção SporTV' desta quinta.

- Não sei se ele combina com esse time do Fortaleza. Tomara que ele se adapte, porque o time não precisa daquele Lucas Lima que temos visto - completou.

A opinião também foi sustentada por Cléber Machado e Roger Flores, que nesta semana foi repreendido pelo Grupo Globo após comentário sobre mal-estar entre Flamengo e Pedro. Os comentaristas acreditam que é a chance de Lucas Lima "dar a volta por cima" no futebol. Além disso, apontaram que o ex-Palmeiras pode ser peça útil na engrenagem tricolor para o restante da temporada.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos