Carlos Cereto defende Casagrande, mas critica 'lacração' na Globo: 'Tem gente fazendo um personagem'

Carlos Cereto disse que Casagrande 'é coerente à própria história' (Foto: Reprodução/TV Reprodução/Youtube)


O repórter Carlos Cereto defendeu o ex-companheiro Casagrande, mas criticou ex-colegas da "TV Globo" por, na sua opinião, "fazerem um personagem". O jornalista deixou a emissora em 2021 e alegou, em entrevista ao podcast "Deu Zebra", que a saída teve relação com mudanças editoriais nos programas esportivos.

- Futebol não é lacração. Um cara como o Casagrande é importantíssimo, mas ele sempre foi assim, como jogador sempre se posicionou. Agora, muitas pessoas mudaram para ganhar espaço. O Casa está sendo coerente à própria história, mas tem gente fazendo um personagem, que não acredita em nada do que está falando. Isso me incomodava e eu pedi para sair - disparou.

+ PVC deixa Globo: veja as movimentações da imprensa esportiva em 2023

Durante a entrevista, Cereto também criticou a abordagem de programas dos canais esportivos da Globo na atualidade e chegou a elogiar a postura de comentaristas de outras emissoras

- Para mim, futebol é o que o Neto faz no ‘Os Donos da Bola’ (programa da ‘Band’). Comentar futebol é isso, é do povo. Não é discutir futebol de terno e gravata e falar do 4-2-3-1, do 4-3-3. Também não é palhaçada, mas bom humor sim - opinou.

+ Por onde anda Alê Oliveira, que fez sucesso com 'decretos' na ESPN e TNT Sports

Carlos Cereto deixou a Globo em 2021. Desde então, o jornalista tem focado na produção de conteúdo para o meio digital. No Youtube, o repórter comanda o "Canal do Cereto", que conta com 136 mil inscritos na plataforma.