Carille tenta fazer história, Cuca busca primeira taça no Paulista

Yahoo Esportes
Cuca e Carille voltam a se enfrentar (Montagem/Rubens Chiri e Daniel Augusto Jr.)
Cuca e Carille voltam a se enfrentar (Montagem/Rubens Chiri e Daniel Augusto Jr.)

A final do Paulistão colocará frente a frente dois treinadores completamente diferentes. Em todos os sentidos. Cuca já tem 21 anos de experiência contra pouco mais de dois anos de Fábio Carille. Mas, quando o assunto é Campeonato Paulista, o manda-chuva é o corintiano.

Atual bicampeão, Carille pode entrar para uma seleta galeria de treinadores que venceram o estadual por três vezes consecutivas. O último a conseguir tal feito foi Antoninho Fernandes, pelo Santos, em 1967, 68 e 69. Antoninho, inclusive, era tio de Marcelo Fernandes, técnico campeão paulista pelo Santos em 2015.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Já Cuca, que foi campeão no Rio de Janeiro pelo Flamengo em 2009 e em Minas Gerais por Cruzeiro em 2011 e Atlético-MG em 2012 e 2013, nunca conseguiu levantar a taça do estadual mais disputado do país.

Por clubes paulistas, por sinal, Cuca só levantou um único troféu: o Brasileirão de 2016 pelo Palmeiras. O mais curioso é que agora o paranaense de 55 anos pode ser campeão paulista tendo comandado o São Paulo em apenas três jogos - ele assumiu na volta das semifinais, contra o Palmeiras, no Allianz Parque.

Corinthians e São Paulo vivem momentos parecidos aos de seus treinadores. Na década, o Timão foi tricampeão do Paulistão, tri do Brasileirão, além de ganhar Libertadores, Mundial e Recopa. Já o Tricolor deu uma única volta olímpica desde 2011: conquistou a Sul-Americana de 2012, depois de bater o Tigre na final.

Retrospecto alvinegro: O Corinthians tem levado enorme vantagem nos jogos contra o São Paulo. Nos últimos dez duelos, foram cinco vitórias alvinegras, três empates e dois triunfos corintianos.

O Tricolor nunca bateu o rival na nova arena, em Itaquera. Ao menos, o São Paulo conseguiu superar os corintianos nos últimos dois encontros como mandante: 1 a 0 e 3 a 1 em 2018.

Leia mais de Jorge Nicola no Yahoo Esportes

Mais no Yahoo Esportes:

São Paulo quer lotar o Morumbi durante final em Itaquera

Se houver incidentes no Morumbi, Corinthians terá razão em não entrar em campo, mas vai cumprir a ameaça?

Facebook não dividirá jogos da Libertadores com Fox Sports

Allan "ignora" presidente do Napoli e despista sobre ida ao PSG

Leia também