Carille nota problemas do Timão em empate, mas fala em 'bom resultado'

Segundo técnico do Corinthians, 0 a 0 em Ribeirão Preto 'não é pra ficar feliz', mas também não é lamentado mesmo com poucas chances de gol lado a lado. Decisão agora no dia 9

Em sua 30ª partida à frente do Corinthians, o técnico Fabio Carille não lamentou o empate em 0 a 0 na ida das quartas de final do Campeonato Paulista, contra o Botafogo-SP. Apesar de jogadores do time mandante terem saído satisfeitos do estádio Santa Cruz e dos corintianos precisarem explicar a atuação abaixo do esperado, o resultado foi bom pela avaliação do técnico.

- O resultado é bom, mas não é pra ficar feliz, porque pecamos com a bola no pé, na saída de jogo. Precisa ser mais e essa é nossa busca - avisou o comandante, que ainda enumerou os problemas diagnosticados no primeiro confronto eliminatório do Corinthians no Estadual.

- Nossa proposta era de buscar a vitória, mas tivemos muitos erros de passe na construção, e por isso dificuldade de chegar ao campo do adversário. Podemos ser melhores, principalmente com a bola. O Botafogo criou chances no primeiro tempo em cima de erros nossos, na saída de bola, tentando forçar por dentro, que é algo que não trabalhamos. Mas nós vamos trabalhar para melhorar. Perdemos confiança quando erramos duas vezes na frente da área deles e depois não fizemos mais - completou Carille.

Em Ribeirão Preto, o Corinthians teve 55% de posse de bola, mas finalizou apenas cinco vezes em direção ao gol de Neneca, sendo duas corretas e as restantes erradas. O jogo de volta será na Arena Corinthians no próximo dia 9, e o empate leva a decisão aos pênaltis. O vencedor avança às semifinais.





E MAIS: