Carille fecha primeira parte do treino, e Pedrinho treina com bola no Timão

Yago Rudá
LANCE!
Pedrinho trata de dores no quadril desde a semana passada (Daniel Augusto Jr)
Pedrinho trata de dores no quadril desde a semana passada (Daniel Augusto Jr)


O Corinthians deve ganhar o reforço do meia-atacante Pedrinho para o jogo de quinta, contra o Fluminense, pelas quartas de final da Copa Sul-Americana. Na manhã desta terça, o meia-atacante do Timão foi visto em campo no CT Joaquim Grava e participou dos treinos de finalização e cobrança de pênaltis. O técnico Fábio Carille fechou a primeira parte da atividade para os jornalistas.

Em tratamento de dores na região do quadril, Pedrinho trabalhou com bola sem restrição alguma em seus movimentos. Por conta disso, há o otimismo para que o jovem jogador do Timão esteja em campo contra o Fluminense no Maracanã. Oficialmente, o Corinthians trata a situação como indefinida.

Pensando em esconder armas para o duelo no Rio de Janeiro, o técnico Fábio Carille pediu privacidade e não permitiu a presença da imprensa na primeira parte da atividade no CT Joaquim Grava. O treinador montou a equipe que jogará na quinta, mas não se sabe se Pedrinho chegou a participar desta parte do treinamento.



Quando os jornalistas foram liberados para acompanhar a atividade, o grupo estava dividido. Os atletas que não jogaram contra o Avaí, domingo, na Ressacada, treinavam triangulações, cruzamentos e finalizações. Depois, calibraram a pontaria nas cobranças de pênaltis.

Já aqueles que estiveram em campo no fim de semana fizeram apenas uma atividade leve em um campo ao lado. Enquanto isso, com um dos auxiliares de Carille, o meio-campista Jadson e o centroavante Gustagol fizeram exercícios específicos de finalização, ambos com bom aproveitamento.

Na próxima quinta, às 21h30, o Corinthians visita o Fluminense no Maracanã para decidir uma vaga nas semifinais da Copa Sul-Americana. O Timão joga por qualquer vitória ou por qualquer empate com gols para ficar com a classificação. Em caso de uma nova igualdade em 0 a 0, a decisão vai para as cobranças de pênaltis.




Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também