Cantor Eduardo Costa acusa ex-jogador de dar calote de R$ 10 milhões

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


O cantor sertanejo Eduardo Costa acusou ter sofrido um calote pelo ex-atacante Fábio Júnior Pereira quando tentou vender sua casa de R$ 10 milhões em Belo Horizonte. Ao portal UOL, o ex-atleta e comentarista se defendeu, afirmando que os dois desmancharam o acordo verbalmente depois de ter assinado o contrato.

> Confira a classificação atualizada do Brasileirão 2021 e simule as rodadas!

- O processo realmente existe, foi uma negociação iniciada com contrato assinado e uma das partes não cumpriu com as obrigações, por isso, foi acionado - afirmou o cantor sertanejo.

- Tive a intenção de comprar o imóvel, assinei o contrato, e depois meus advogados me alertaram que haviam algumas cláusulas que não eram boas, e também que o imóvel poderia ter problemas na Justiça - disse o ex-atacante.

+ Conheça o novo app do LANCE! e fique por dentro dos resultados e notícias!

- Assinei sem ter noção disso, e conversamos para ser feito um "desacordo informal". Achei que estava tudo bem. Se eu tivesse feito um distrato formal, na Justiça, não estaria passando por isso - completou Fábio Júnior.

O imóvel teria sido vendido por R$ 10 milhões na forma de R$ 6 milhões pagos como sinal e o restante em 36 parcelas de R$ 111 mil. A casa, localizada no bairro Bandeirantes, em Belo Horizonte, tem mais de mil metros quadrados.

Fábio Júnior, que ainda não foi citado no processo, surgiu no futebol profissional no final dos anos 1990, quando subiu da base do Cruzeiro. O ex-atacante passou pela Itália e por Portugal, além de também ter atuado pelo Atlético Mineiro e pelo América Mineiro. No Coelho, o agora comentarista do grupo Globo em Minas Gerais foi artilheiro do Mineirão e uma das principais peças para o acesso ao Brasileirão Série A de 2011.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos