Canarinho Pistola barrado na Copa do Mundo? Saiba o motivo

Canarinho Pistola fez muito sucesso com o público brasileiro nos últimos anos (Foto: Twitter CBF)


Um dos mascotes mais queridos do povo brasileiro, o Canarinho Pistola, como ficou conhecido, não vai poder estar no campo vendo de perto os jogos da Seleção Brasileira. Mas qual é o motivo para o querido mascote não estar próximo dos atletas? A Fifa não permite.

Diferentemente das Eliminatórias, que são realizadas pela Conmebol, a Fifa não autoriza que mascotes fiquem dentro de campo e apenas credenciados gerais pela Entidade. A ideia da Fifa é respeitar o espaço de atletas e comissões técnicas e arbitragem, impedindo assim o excesso de pessoas no gramado. Na Conmebol, por exemplo, é comum ver muita gente no gramado, o que costuma gerar reclamações.

Na Rússia, o Canarinho já havia ficado de fora do evento, por uma opção também da Fifa e dos russos. Na época, Zabivaka, o mascote do evento, era quem deveria ficar com todos os holofotes. Como o Canarinho caiu nas graças da torcida, de quase todo o mundo, a organização preferiu não dividir atenção.

+ Alemanha orienta torcedores no Qatar: pornografia, não; certidão de casamento das mulheres, sim

O Canarinho Pistola, como ficou conhecido, ganhou um semblante mais ‘nervoso’ devido a ideia de mostrar a bravura do povo brasileiro. Logo que apareceu, caiu nas graças dos torcedores e rendeu milhares de memes na internet. Anteriormente, o mascote tinha um semblante mais simpático e foi lançado em 2016. Segundo a CBF, o Canarinho foi inspirado nos mascotes que fazem sucesso em ligas como a NBA.