Campello projeta pagamento de salários atrasados e acordo para desbloqueio de verba penhorada

Felippe Rocha
LANCE!
Alexandre Campello preside um Vasco recheado de dívidas (Foto: Rafael Ribeiro / Vasco da Gama)
Alexandre Campello preside um Vasco recheado de dívidas (Foto: Rafael Ribeiro / Vasco da Gama)


Penhoras recentes aumentaram os problemas financeiros do Vasco neste fim de ano e, em certa medida, pesaram até para a decisão de Vanderlei Luxemburgo não renovar com o Vasco. Mas na apresentação de Abel Braga, novo treinador do Cruz-Maltino, o presidente do clube, Alexandre Campello, afirmou que as coisas vão melhorar em breve.

- Esperamos chegar a um acordo com a PGFN (Procuradoria Geral da Fazenda Nacional) e ficar livres de todas as penhoras até o fim da semana e começar a regularizar os salários de jogadores e funcionários hoje. Deveremos ter novidades mais tarde - projetou o mandatário.

O Vasco tem quase dois meses de salários atrasados para jogadores. Comissão técnica e funcionários de ordenados mais altos tem a receber quase três meses. Os "quase" acima se dão pelo acordo para pagamentos sempre nos dias 20, apesar de a CLT reger pelo quinto dia útil.




Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também