Campeão por Palmeiras e Grêmio, Zinho vê Verdão favorito no duelo pela Libertadores

Gazeta Press

Palmeiras e Grêmio, que se enfrentam pelas quartas de final da Libertadores, são duas das equipes com passados mais vitoriosos do país. Dentre os jogadores que fizeram parte da história de ambos os clubes, está Zinho, que teve três passagens pelo Verdão e atuou em 2000 e 2001 pelo Tricolor Gaúcho. Em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva, o ex-jogador disse acreditar em um duelo equilibrado nesta terça-feira, porém vê um ligeiro favoritismo do Alviverde por conta da vantagem construída no primeiro jogo.

No entanto, Zinho destaca que o placar positivo do confronto de Porto Alegre não pode acomodar o Palmeiras, já que, segundo o ex-atleta, o Grêmio não deixa seu estilo de jogo ofensivo de lado quando joga fora de casa.

“Dos duelos de Libertadores no momento, é o mais equilibrado. A força das duas equipes, dos elencos, dos treinadores… O resultado do Palmeiras é bom. É ótimo vencer fora de casa, traz a decisão para São Paulo. Não é no Allianz, é no Pacaembu, mas eu não considero uma vantagem que dê uma tranquilidade. Tem que ter muita atenção, acho que o Grêmio não muda duas características quando joga fora de casa”, analisou Zinho.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Zinho conquistou a Copa do Brasil e o Campeonato Gaúcho pelo Grêmio (Foto: Reprodução/Instagram)

Zinho se aposentou em 2007 e, no momento, é comentarista dos canais Fox Sports. Perguntado sobre sua torcida para a partida desta terça-feira, o ex-jogador ressaltou que precisa deixar seu sentimento pelas equipes à parte, sendo imparcial em análise.

“Hoje, como sou comentarista, tenho que ser imparcial. Nessa hora, qualquer tipo de paixão ou gratidão precisa ser deixada de lado. Existe a gratidão e a paixão pelos dois clubes, mas neste momento seria errado e anti-ético da minha parte estar torcendo mais para o Palmeiras ou para o Grêmio. Estou torcendo para um grande jogo, para um espetáculo, que essas duas equipes têm condição de realizar”, finalizou.

Pelo Palmeiras, Zinho foi multicampeão: conquistou a Libertadores em 1999, o bicampeonato Brasileiro, em 1993 e 1994, a Copa do Brasil, em 1998, o bicampeonato Paulista, em 1993 e 1994 e a Mercosul, em 1998. Vestindo a camisa do Grêmio, o meio-campista foi campeão Gaúcho, em 2001, e da Copa do Brasil, também em 2001.

Leia também