Campeão inédito, Palmeiras domina seleção ideal da Libertadores Feminina

Palmeiras domina time ideal da Libertadores Feminina (Foto: Staff Images/Conmebol)


O Palmeiras venceu a Libertadores Feminina pela primeira vez em outubro, ao derrotar o Boca Juniors-ARG por 4 a 1, em Quito, no Equador. A campanha invicta e impecável fez com que quatro atletas do Verdão estivessem na seleção ideal do torneio, divulgada pela Conmebol neste sábado.

> Fluminense e Palmeiras dominam: veja seleção do Brasileirão montada por programa de TV

Com apenas três gols sofridos nos seis jogos do torneio, o setor defensivo do Verdão teve duas jogadoras escolhidas para a seleção ideal. Trata-se da lateral Katrine e da zagueira Poliana, que foi uma das autoras dos tentos marcados na decisão, além de ser a maior campeã da competição, com cinco títulos na carreira.

> Simule os resultados da última rodada da Série A do Brasileirão!

Já no ataque, Bia Zaneratto e Ary Borges foram as credenciadas para as 11 ideais da competição. Cada uma encerrou a campanha vitoriosa com três gols marcados e foram fundamentais para o título inédito.

Na primeira participação do Palmeiras na Libertadores Feminina, foram seis vitórias, 18 gols marcados e apenas três sofridos. O Verdão foi campeão de maneira inédita e invicta.