Campeão pelo Corinthians em 77 e 79, Zé Eduardo morre aos 63 anos

José Eduardo de Toledo Pereira, ex-zagueiro do Corinthians que ficou marcado por fazer parte dos lendários times de 1977 e 1979, morreu na noite dessa quarta-feira, em São Paulo. Zé Eduardo, como era conhecido, estava internado há cerca de dez dias, viu um quadro de pneumonia se agravar e estava em coma induzido. Há nove anos, os médicos já haviam diagnosticado o ex-atleta com câncer nos ossos. Aos 63 anos, Zé Eduardo deixa uma esposa e três filhos.

“Eu passei o dia inteiro com ele na quinta-feira e ele não estava bem. Não abria nem o olho. A gente estava muito preocupado”, comentou Wladimir. “Eu estou vendo o que o Corinthians pode fazer para ajudar a família”, disse Basílio.

Ao lado os ídolos corinthianos, Zé Eduardo fez parte da história conquista do Campeonato Paulista de 1977, responsável por acabar com um jejum de 22 anos sem taças do clube alvinegro. Dois anos depois, Zé Eduardo voltou a se sagrar campeão vestindo a camisa do Timão. Ambos os títulos tiveram a Ponte Preta como adversário na final, assim como será nessa temporada.

O Corinthians se manifestou oficialmente em suas redes sociais para lamentar a perda. “Um dos heróis das conquistas do Paulistão em 1977 e em 1979 nos deixou hoje. Zé Eduardo, eternamente em nossos corações”, postou o clube na legenda de uma foto em que o ex-zagueiro aparece defendendo a equipe do Parque São Jorge.