Camilo revela motivo de correria ao celebrar sexta pole: "Euforia e alívio"

PEDRO HENRIQUE MARUM, FELIPE NORONHA

A comemoração pela sexta pole do ano era para ser emocionada, mas Thiago Camilo surpreendeu a todos no Velo Città quando saiu correndo velozmente ao ver confirmado que sairia na primeira posição na corrida 1 da Stock Car em Mogi Guaçu do próximo domingo (10).

Mas por que ele deu aquele pique? Ao GRANDE PRÊMIO, o dono de mais da metade das poles da temporada explicou a vontade de dividir o momento com quem tornou possível essa marca: os membros de sua equipe.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

"Eu confio muito na equipe, sempre confiei, mas dento do carro é o piloto que representa patrocinador, equipe. Mas existe trabalho muito detalhista, muito grande por parte de engenheiros e de todo o time da Ipiranga para a conquista desse resultado. Então acho que nada mais justo que dividir com eles esse momento", contou.

"E eu confesso, quando o Gabriel [Casagrande, que sai em segundo] fez os dois primeiros setores, ele tinha uma vantagem significante e sabia que ele ia ter que fazer setor 3 ruim para a pole ser minha, e aí a euforia foi mais por conta disso. Não que eu tivesse jogado a toalha, mas quando deu veio um alívio e eu corri para comemorar", seguiu o #21.

Thiago Camilo (Foto: Duda Bairros/Vicar)

Paddockast # 41

MAIORES VITÓRIAS DE HAMILTON NA F1


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM





Já sobre a classificação em si, Camilo deu explicação bastante detalhada ao GP. Segundo ele, foi um dia de treinos complicado, pela dificuldade em "onseguir fazer um desenvolvimento como acontece nas outras etapas", que tem treinos de sexta-feira. "Você consegue se reunir com a equipe, analisar mais friamente tudo que está acontecendo e desenvolver o carro melhor para a classificação e para a corrida", disse.


"Então a gente não sabia como que o carro reagiria dentro desse sistema classificatório. Mas vale ressaltar o entendimento da equipe e a sensibilidade que ela tem hoje nesse carro, de ter feito uma análise muito profunda de tudo que aconteceu, mesmo tendo andado em situações adversas", concluiu, antes de creditar novamente a pole aos membros de sua equipe que permitiram com que ele poupasse o carro no Q1 e, mesmo sendo obrigado a forçar no Q2 após pequeno erro, tivesse o carro forte para a fase decisiva. 


Camilo tem 249 pontos e é o terceiro colocado na classificação, atrás apenas da dupla que lidera: Daniel Serra e Ricardo Maurício, com 265 pontos. Serra larga em quarto, enquanto Maurício sai apenas em 19°.


A corrida 1 está marcada para 11h em Mogi Guaçu. O GRANDE PRÊMIO acompanha a etapa do Velo Città, neste fim de semana, com o repórter Pedro Henrique Marum.



Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo


O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.


Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.







Leia também