Calderano quer voltar a treinar logo para recuperar nível após lesão

No melhor momento de sua carreira, quando atingiu a 17ª colocação do ranking mundial em fevereiro, o mesatenista Hugo Calderano foi freado por uma lesão muscular em sua perna direita. Já na fase final de sua recuperação, o atleta brasileiro afirmou que quer voltar logo às mesas para poder ajudar seu clube no restante do Campeonato Alemão.

“A recuperação está indo bem. Fui para o sul da França para me recuperar e isso me ajudou. Pretendo voltar a treinar essa semana e ir subindo a carga horária aos poucos para evitar complicações”, disse o jovem mesatenista à Confederação Brasileira de Tênis de Mesa nesta sexta-feira.

Atualmente, Calderano defende o Ocshenhausen, que está na segunda colocação do Campeonato Alemão, atrás apenas do Borussia Dusseldorf. “Estou tranquilo e sei que vou conseguir voltar à minha melhor forma logo. Meu próximo objetivo vai ser chegar bem nos playoffs da Bundesliga, em abril, e no Mundial”, completou Hugo.

Aos 20 anos, o jovem já se colocou entre os maiores mesatenistas da história brasileira, tendo igualado a campanha olímpica de Hugo Hoyama logo em sua primeira participação, com as oitavas de final no Rio 2016. Calderano ainda tem uma medalha de bronze nos Jogos da Juventude de 2014, além de dois ouros no Pan de Toronto 2015, um nos confrontos individuais e outro por equipes, e outras conquistas no Circuito Mundial.

“Se ele se sentir bem fisicamente, o nível voltará muito rapidamente e ele deve ter mais oportunidades de encarar o trabalho necessário para alcançar um nível mundial”, analisou o técnico do brasileiro, Jean-René.

Com a lesão, Hugo não pôde participar do Aberto do Catar e, com isso, perdeu seis posições no ranking da Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF), caindo para a 23ª colocação.