Caio Henrique coroa primeira temporada no Monaco com vaga na Champions League

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Contratado ao Atlético de Madrid no início da temporada 2020/21, Caio Henrique logo se transformou numa das principais peças do Monaco de Niko Kovac. O brasileiro teve uma temporada de destaque pela equipe do principado e ajudou o time a garantir uma vaga na próxima edição da Champions League, além do vice-campeonato da Copa da França em final disputada contra o PSG.

- Quando cheguei ao clube, nosso principal objetivo era recolocar o Monaco nas competições europeias após dois anos de ausência. Conseguimos não só cumprir, como também garantir vaga na próxima Champions League. Encerro a temporada feliz com meu desempenho e dos meus companheiros. Acredito que fizemos um bom papel e o Monaco voltou a brigar por coisas grandes - disse Caio Henrique.

O Monaco entrará na terceira fase classificatória da Champions League 2021/22 após terminar o Campeonato Francês na terceira colocação, atrás apenas do campeão Lille e do PSG. Caio Henrique terá a chance de disputar a sua segunda edição do torneio, já que chegou a ir para o banco em duas ocasiões pelo Atlético de Madrid.

- Sem dúvida alguma é uma competição diferente, que todo jogador sonha jogar um dia. E comigo não é diferente. Nos dedicamos bastante ao longo da temporada e fomos premiados com essa vaga após uma disputa rodada a rodada com o Lyon, que possui uma equipe fortíssima e investe bastante em contratações. Agora é descansar para recarregar as baterias e voltar ainda mais forte - concluiu.

Aos 23 anos, Caio Henrique vinha sendo constantemente convocado pelo técnico André Jardine para a Seleção Brasileira Olímpica que vinha se preparando para os Jogos de Tóquio. No entanto, acabou ficando de maneira inesperada fora da última convocação para dois amistosos que o time realizará antes da lista final para as Olímpiadas.