Caio Dantas marca no fim, Sampaio Corrêa vence o Náutico e pula para a vice-liderança

Futebol Latino
·2 minuto de leitura


Em duelo atrasado pela 11ª rodada do Brasileirão Série B, Sampaio Corrêa e Náutico se enfrentaram na noite desta terça-feira (17), no estádio Castelão, em São Luís.

Com o placar de 2 a 1, os comandados de Léo Condé chegaram à vice-liderança da competição, somando agora 37 pontos. Já os comandados de Gilson Kleina, com o tropeço na casa do adversário, acabou estacionando na 17ª posição com seus 20 pontos.

O jogo

Jogando sob seus domínios, a equipe do Sampaio Corrêa iniciou o confronto indo para cima do Náutico. Em duas chances praticamente seguidas, Luis Gustavo e Caio Dantas trataram de testar o adversário que, por sua vez, passou a buscar mais o jogo após as investidas da Bolívia Querida, conseguindo responder com Kieza quase aproveitando o erro rival, porém dando tempo de Gustavo afastar o perigo para longe.

Até meados dos 35 minutos, o confronto passou a ficar mais equilibrado. Com chances dos dois lados, as melhores do Sampaio foram no vacilo do goleiro Halls, que acabou deixando a bola escapar de suas mãos quase dando a chance do clube maranhense abrir a contagem, além de Caio Dantas que tentou arriscar uma bomba que passou perto da trave, enquanto por parte do Timbu as melhores foram de Dudu, finalizando para fora, enquanto a outra dos pés de Kieza, mandando próximo das duas traves do camisa 1.

Na reta final de etapa, o panorama do confronto basicamente manteve-se igual. Sem grande emoções nas tentativas criadas, além do placar sem alterações, acabou dando a deixa para arbitragem mandar os dois times para os vestiários.

Já no segundo tempo, o Sampaio logo aos 3 minutos, conseguiu encontrar seu gol. Após boa jogada de Robson Duarte, o atacante cruzou na medida para Roney, de cabeça, mandar para o fundo das redes. 1 a 0.

Na sequência, o Náutico partiu em busca da igualdade. Logo na primeira chance depois do tento sofrido, Vinícius assustou a defesa da Bolívia Querida, porém na conclusão da jogada, Joécio acabou tirando.

Até meados dos 30, o alvirrubro ainda seguia melhor em campo. Além das alterações promovidas por Kleina, a equipe criava mais jogadas, quase conseguindo seu tento com Camutanga.

E os visitantes, depois de tanta insistência, finalmente marcou. Aos 33, após jogada de Wilian Simões, ajeitou para Ruy que acertou um lindo chute sem chances para Gustavo. 1 a 1.

Quando tudo parecia ficar no empate, já nos acréscimos, aos 52 minutos, o artilheiro Caio Dantas apareceu para resolver a situação. No último lance, aproveitando a bola na jogada de Diego Tavares e Marcinho, mandou para as redes fazendo 2 a 1, colocando a Bolívia Querida na 2ª colocação na tabela.