De Cabo Verde? Resultado da Seleção olímpica mostra que só talento não basta

·2 minuto de leitura

Parece um tanto quanto inacreditável, mas o futebol vez ou outra prega suas peças por aí. Sobrou para a Seleção brasileira sub-23 desta vez. Em amistoso realizado neste sábado visando a preparação para as Olimpíadas, o time comandado por André Jardine foi derrotado por Cabo Verde. Isso mesmo, vamos repetir: Cabo Verde! O país que atualmente ocupa a 73ª posição no ranking da FIFA surpreendeu a atual detentora da medalha de ouro e, de virada, venceu por 2 a 1 a partida realizada na Sérvia.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

O inesperado resultado trouxe à tona a discussão sobre a distância entre o time brasileiro no papel e o da realidade posta em prática. Analisando os convocados, o talento exala: Claudinho, Pedro, Antony, Reinier, Rodrygo, Gerson, Bruno Guimarães e por aí vai. Mas com a bola rolando, foi possível notar uma equipe sem inspiração e sem entrosamento. Difícil agrupar talento desorganizadamente e isso ficou provado mais uma vez. O gol brasileiro, aliás, foi de Pedro, de pênalti. Pouco, muito pouco.

Além disso, vale destacar também os vacilos individuais. O goleiro Cleiton deixou passar uma bola defensável (até demais) no primeiro gol africano - anotado por Lisandro Semedo - enquanto o sistema defensivo brasileiro perdeu a bola na própria área, ocasionando no gol de Willy Semedo. Cômico, se não fosse trágica, a Seleção Brasileira olímpica precisa descer do salto em que a colocaram (melhor que a principal? Ainda falta!) se quiser realmente conquistar o bicampeonato em Tóquio. Enquanto isso, que melhore seu futebol ao menos para que conquiste brasileiros a fim de acordar às 5 da manhã para torcer quando a tocha for acesa no Japão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos