Cássio destaca boa temporada no Corinthians e analisa trabalho feito por Vítor Pereira

Cássio foi crucial para as campanhas do Corinthians na Copa Libertadores e Copa do Brasil (Foto: Rodrigo Coca / Agência Corinthians)


O goleiro Cássio destacou seu desempenho no Corinthians nesta temporada e comentou sobre a trajetória de Vítor Pereira na equipe. Neste ano, o defensor voltou ao seu auge e fez um dos melhores trabalhos de toda sua carreira.

Líder é do futebol paulista: saiba os clubes do Brasil que mais cederam jogadores para Copas do Mundo na história

Veja tabela da Copa do Mundo

Durante a premiação do troféu Mesa Redonda, feita pela 'TV Gazeta', Cássio revisitou as ameaças sofridas no começo do ano, que envolveram até mesmo sua família, após uma momento de oscilação.

Na época, chegou a prestar - junto ao ponta Willian - boletins de ocorrência. Segundo as suas palavras, estas críticas 'passaram dos limites, mas ficaram no passado', destacando o bom ano que teve.

- A questão das ameaças, quando aconteceu, foi uma situação que chateou muito, porque, quando é sobre mim, é tranquilo, mas quando envolve a família, passa um pouco dos limites. Ficou no passado e não pode banalizar, achar que é toda a torcida do Corinthians, porque não é. Temos que valorizar esse ano do Corinthians, graças a Deus consegui fazer um ano bem consistente e o Corinthians voltou a brigar por títulos - disse.

Cássio foi decisivo para a campanha do Corinthians na Copa Libertadores e na Copa do Brasil. No continental, ajudou o Timão a chegar nas quartas de final, após dez anos, quando foi crucial na disputa de pênaltis contra o Boca Júniors.

Para o goleiro, esta temporada foi - sem dúvidas - uma das suas melhores, desde quando chegou ao clube alvinegro, há 11 anos. Como um dos principais pontos do ano, destacou a consistência no Campeonato Brasileiro e o desempenho na Copa Libertadores.

- Sim (uma das melhores temporadas pelo clube), pelo fato de olhar números, estatísticas e pelos resultados também, a gente poder voltar à Libertadores. No meu ponto de vista, para tentar buscar uma segunda Libertadores, tem que disputar constantemente. Ter feito um Brasileiro consistente… Nos dá muita confiança para o próximo ano - completou.

Ainda durante a premiação, opinou sobre a trajetória de Vítor Pereira, agora ex-técnico do Corinthians. Mesmo sem títulos, Cássio destacou o trabalho do treinador e afirmou que 'a cultura diferente' ajudou a agregar nos resultados obtidos.

- Fica um legado bom dele, um cara direto, cultura diferente. Tentei entender o jeito dele com o decorrer do ano, cada um tem seu jeito de trabalhar - disse.

O goleiro também comentou sobre as questões que envolveram VP e a família. Como anunciado pelo LANCE! no dia que o treinador se despediu do Timão, problemas na família do português fizeram com que ele optasse pelo fim do trabalho no Corinthians.

- Me apego aos últimos anos, em que a gente não teve a mesma consistência de agora, brigando por títulos. E a gente voltou a brigar por títulos. Esse é o caminho de conquistar títulos, são etapas. Espero que a próxima etapa seja levantar taças. Desejo todo sucesso para ele, ele deixou claro que ele não ficou por questões familiares, ele já conversou algumas coisas comigo antes mesmo de acontecer. Não havia falado se ficaria ou não, mas falando das situações da família dele, que são coisas particulares. Desejo sucesso para ele, que ele fique próximo da família e fique bem - completou.