Bundesliga está de volta... mas pode perder jogadores receosos com a pandemia?

Goal.com

Mesmo com diversos países ainda muito afetados pelo novo coronavírus Covid-19, o Campeonato Alemão vai retomar suas partidas no sábado (16), com o clássico entre Borussia Dortmund e Schalke 04 fazendo o jogo inaugural da volta.

No entanto, em meio à pandemia, os riscos ainda estão presente, embora o governo já tenha autorizado a volta da Bundesliga, com diversas medidas de segurança implantadas. Mesmo assim, muita gente ainda não é a favor da volta do futebol, como apontou uma pesquisa feita no país.

Com isso, tanto o Borussia quanto o Schalke afirmaram que os jogadores que não se sentirem bem ou seguros para disputar a partida serão liberados, sem nenhum prejuízo ou punição, entendendo que é um momento completamente atípico no cenário esportivo e mundial. 

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Em coletiva, o dirigente dos auri-negros, Michael Zorc afirmou: "Se alguém tem dúvidas ou tiver medo, avaliaremos a situação racionalmente e o deixaremos em liberdade de não jogar”, enquanto o treinador do Schalke, David Wagner disse: "Eu falei pessoalmente aos jogadores, que não há problema ou pressão se algum jogador, por razões pessoais, não quiser jogar. Acredito que isso é totalmente humano e totalmente normal. Ele continuará sendo bem-vindo e parte do time". 

Nenhum dos dois, porém, acredita que este seja o caso em seus respectivos times, uma vez que vêm os atletas com vontade de jogar. "Minha impressão é que todos estão felizes de poder voltar a jogar futebol. Todos querem jogar”, disse Zorc.

Os dois protagonistas do clássico estão separados por 14 pontos na tabela de classificação da Bundesliga, liderada pelo Bayern de Munique. O Borussia tem 51 pontos e está na segunda colocação, enquanto o Schalke ocupa a sexta posição com 37 pontos.

Por conta das medidas de segurança todos os jogos vão ser realizados com portões fechados e, para um clássico, os treinadores exaltaram a falta que sua torcidas vão fazer dentro de campo. "Um clássico sem torcida dói no coração só de pensar. Vamos precisar de um nível mais alto de auto-motivação", disse Zorc enquanto Wagner falou: "É Schalke contra Dortmund e é o jogo mais importante da temporada para nós. Apesar dos torcedores não poderem estar no estádio, tenho certeza que estarão nos apoiando. Queremos vencer a todo custo". 

Leia também