Buffon: "O que aconteceu com o PSG deve servir de alerta"

O defensor reconhece que seu favorito ao prêmio é Messi, mas pelos títulos deveria ser o goleiro da Juventus

O capitão da Juventus, Gianluigi Buffon, enviou uma mensagem de calma para a equipe e torcedores do clube após a boa vitória sobre o Barcelona por 3 a 0, no primeiro jogo das quartas de final da Champions League.

Apesar da vantagem construída para o jogo no Camp Nou, o goleiro manteve os pés no chão e relembrou o revés do PSG nas oitavas de final.

"Estamos satisfeitos por ter feito bem o nosso trabalho, mas isso não termina aqui. Quando você termina uma noite assim, você sempre tem a sensação de que ainda não está terminado completamente. A força do Barcelona, e o que aconteceu com o PSG, deve servir de alerta para a gente. Temos que ter cuidado e humildade", afirmou.

Com o resultado, o Barcelona precisará fazer algo aparecido com o que fez contra o PSG (quando perdeu o jogo de ida por 4 a 0, e impôs um goleada de 6 a 1 na volta). Para se classificar, o time espanhol terá que vencer por quatro gols de diferença no Camp Nou. Caso vença por 3 a 0, a decisão do classificado irá para a prorrogação.

VEJA TAMBÉM:
Bartra tranquiliza os torcedores | Barça trabalha para esquecer derrota | Papa ganha camisa com número do Gabriel Jesus