Brusque vence Vila Nova fora de casa e já sonha com G4 da Série B

·3 minuto de leitura


Nesta quarta-feira (21), o futebol no Brasil começou o dia com Vila Nova e Brusque pela Série B. Após primeiro tempo abaixo do esperado, mas com final movimentado, os visitantes abriram o placar na segunda etapa com Éverton Alemão e levaram os três pontos para Santa Catarina.

Com o resultado, o Brusque subiu para a 7ª colocação, com 19 pontos. Enquanto isso, o vila permanece com 14, na 13ª. No próximo sábado (24), o Quadricolor volta a jogar como visitante, desta vez, para duelar com o líder Náutico. Por outro lado, o Tigre recebe o ameaçado Cruzeiro.

Equipes com vontade, mas poucas chances

Logo no primeiro minuto de partida, os donos da casa chegaram em boa oportunidade com Clayton. Mas, o que parecia ser um primeiro tempo agitado, parou por ali. Logo depois, o Vila manteve a posse de bola, mas pouco mordeu no setor ofensivo. Enquanto isso, sem qualquer chance criada, o Brusque buscou se postar bem na defesa.

Aos poucos, o Brusque começou a gostar do jogo e manteve a bola no campo de ataque. Mas, errava no momento final do passe, como aconteceu com Zé Mateus, que cruzou e ninguém desviou e Garcez, que perdeu dividida para Rafael Donato. Aos 35', após levantamento na área, Garcez mandou para o gol, mas errou.

Saída por lesão e final animado

Depois de um bom tempo ausente no ataque, os mandantes chegaram com Alesson, que experimentou de fora da área e obrigou Zé Carlos a fazer a intervenção. Em seguida, Pedro Bambu sentiu uma lesão no campo e foi substituído por Danilo Belão, revelado pelo São Paulo.

O duelo ficou animado já nos minutos finais do primeiro tempo. Aos 42', João Pedro cruzou e Rafael Donato cabeceou bem e Zé Carlos fez ótima defesa. Logo depois, em duas oportunidades o Brusque quase abriu o placar, primeiro com Thiago Alagoano, que finalizou para Georgemy espalmar e em seguida, Edu subiu livre e testou para fora.

Quem não faz...

Na volta do intervalo, Willian Formiga recebeu e bateu de primeira, mas Zé Carlos defendeu. No lance, ainda teve reclamação de pênalti para os anfitriões, porém nada foi marcado. Logo depois, Arthur Rezende cobrou falta com extremo perigo e novamente o arqueiro bruquista defendeu.

A resposta do Brusque foi certeira! Após cruzamento na área, o zagueiro Éverton Alemão subiu mais alto que todo mundo e abriu o placar para os visitantes.


Mais tarde, o Brusque quase aumentou a vantagem, Thiago Alagoano fez ótima jogada, limpou a marcação, mas chutou em cima do goleiro;

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA
VILA NOVA 0 x 1 BRUSQUE
Local: Estádio OBA, em Goiânia-GO
Data/horário: 21 de julho de 2021, às 16h (horário de Brasília)
Árbitro: Vinícius Furlan (SP)
Assistente 1: Miguel Caetano Ribeiro (SP)
Assistente 2: Gustavo Rodrigues de Oliveira (SP)
Gols: Éverton Alemão (15'/2T) (0-1)
Cartões amarelos: João Carlos e Fillipe Souto (Brusque), Renan Mota e Arthur Rezende (Vila Nova)

VILA NOVA: Georgemy; Pedro Bambu (Danilo Belão 39'/1T), Rafael Donato, Renato Silveira e Willian Formiga; Éder (Breno 33'/2T), Renan Mota, Arthur Rezende e João Pedro (Cássio Gabriel 17'/2T); Clayton (Henan 17'/2) e Alesson (Kelvin - intervalo). Técnico: Higo Magalhães.

BRUSQUE: Zé Carlos; João Carlos (Toty 14'/2T), Claudinho, Éverton Alemão e Airton (Alex Ruan 30'/2T); Zé Mateus, Rodolfo Potiguar (Fillipe Souto 14'/2T), Garcez e Bruno Alves (Diego Mathias - intervalo); Edu e Thiago Alagoano (Fio 37'/2T). Técnico: Jerson Testoni.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos