Brusque vence Brasil de Pelotas fora de casa e deixa o Z4 da Série B

·4 minuto de leitura


Na noite desta quarta-feira (29), o Brusque foi até o Rio Grande do Sul e venceu o Brasil de Pelotas por 2 a 0, em partida válida pela 27ª rodada do Brasileirão Série B. Diego Mathias entrou no intervalo e precisou apenas de cinco minutos para abrir o placar. Nos acréscimos, Garcez fechou o marcador no Bento Freitas. Com a vitória, os catarinenses deixaram o Z4 e agora ocupam o 16° lugar. Enquanto isso, o Xavante permanece afundado no último posto da tabela.

Agora, as duas equipes voltam a campo no próximo final de semana. No sábado (2), o Brusque recebe o Guarani, às 16h. Por outro lado, o Brasil de Pelotas visita o Cruzeiro no domingo (3), às 11h. Ambas as partidas são válidas pela 28ª rodada do Brasileirão Série B 2021.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

Início equilibrado
Os primeiros movimentos no Bento Freitas mostraram certo equilíbrio. Em casa, o Brasil de Pelotas tentou ter mais a posse de bola, mas não conseguiu criar nenhuma chance efetiva de gol. No seu melhor lance, Bruno Matias cabeceou no meio da área um cruzamento vindo de Rildo, mas errou o alvo.

Por sua vez, o Brusque se fechou nos primeiros minutos e apenas observou o adversário jogar. Mas, com o passar do tempo, a equipe catarinense passou a se soltar e chegou com perigo aos 11, com Garcez. O atacante apareceu na segunda trave e completou cruzamento, mas mandou para fora.

Show de erros
A parte intermediária do primeiro tempo expôs muito o motivo dos dois clubes estarem brigando na parte inferior da tabela. Ambas equipes abusaram dos erros de passes e travaram o jogo no setor de meio de campo.

O Brusque chegou a fazer uma 'blitz' no ataque, mas viu o chute de Thiago Alagoano ser travado e Zé Mateus mandar para fora na sobra. Por sua vez, o Brasil tentou responder em arremate cruzado de Netto. Júnior Viçosa se esticou todo para tentar completar, porém não teve êxito.

Deixou a trave balançando
O ritmo da partida seguiu morno no terço final da primeira etapa. Sem criatividade para invadir a área adversária, o Brasil de Pelotas tentou duas vezes com Rildo, de fora. Entretanto, as finalizações do meia-atacante passaram longe do alvo.

Apesar de parecer mais distante do gol, o Brusque foi a equipe que proporcionou o melhor lance da partida. Aos 46, Nonato emendou de primeira um chute na entrada da área. A bola explodiu na trave do gol defendido por Marcelo. Sendo assim, o jogo permaneceu no 0 a 0 até o intervalo.

Justificando a substituição
​Na volta dos vestiários, Waguinho mexeu no Brusque e colocou Diego Mathias. O meia precisou de cinco minutos para justificar sua entrada. Após cruzamento de Thiago Alagoano e rebote do goleiro Marcelo, o jogador mandou uma bomba para o fundo do gol, abrindo o placar para os visitantes no Bento Freitas.

Mesmo com o gol e a vantagem no marcador, os catarinense continuaram sendo mais perigosos. Edu acertou a trave em chute de chapa feito na meia-lua.

Inacreditável!
​O Brusque começou a diminuir o ritmo depois do ímpeto inicial. Contudo, Edu voltou a levar perigo quando recebeu pelo lado esquerdo, mas pegou mal na finalização e desperdiçou sua chance.

Depois disso, o Brasil de Pelotas voltou para o jogo e, por pouco, não deixou tudo igual. No primeiro lance, Rone apareceu livre na segunda trave e finalizou, mas Ruan Carneiro apareceu bem para defender. Pouco depois, Arthur conseguiu chutar após cobrança de escanteio e acertou o travessão. Na sobra, o zagueiro furou e viu o gol de empate escorreu pelas suas mãos.

Fechando o jogo com estilo
Com o resultado a seu favor, o Brusque se fechou nos minutos finais e conseguiu controlar bem as ações ofensivas do seu adversário. Compacto na defesa, o time visitante não passou por apuros e administrou o tempo.

Por sua vez, o Brasil de Pelotas tentou partir para o desespero, mas se atrapalhou nas jogadas. Abusando dos chuveirinhos, o time gaúcho mostrou pouco repertório e, além disso, deixou espaços. No contra-ataque, Jhon Cley deixou Garcez na cara de Marcelo. O atacante tocou por cima do goleiro e fechou o placar em 2 a 0 para o Marreco.

FICHA TÉCNICA
BRASIL DE PELOTAS 0 X 2 BRUSQUE
​​​​Local
: Estádio Bento Freitas, em Pelotas-RS
Data/Horário: 29 de setembro de 2021 (quarta-feira), às 19h
Árbitro: Jonathan Antero Silva (RO)
Assistentes: Márcio Bezerra Lopes Caetano (RO) e Valdebranio da Silva (RO)
Gols: Diego Mathias (5'/2°T) (0-1), Garcez (45'/2°T) (0-2)
Cartões amarelos: Bruno Matias, Caio Rangel (Brasil de Pelotas), Zé Mateus, Garcez (Brusque)

BRASIL DE PELOTAS: Marcelo; Vidal, Héverton, Arthur Henrique e Kevin; Wesley (Rômulo, aos 30'/2°T) e Bruno Matias; Caio Rangel (Rone, aos 11'/2°T), Netto e Rildo (Renatinho, aos 17'/2°T); Júnior Viçosa (Gabriel Poveda, aos 17'/2°T). Técnico: Jerson Testoni.

BRUSQUE: Ruan Carneiro; Toty, Ianson, Alemão e Marcelo; Rodolfo Potiguar, Zé Mateus e Nonato (Diego Mathias, aos 0'/2°T); Thiago Alagoano (Jhon Cley, aos 30'/2°T), Garcez e Edu (Toni, aos 30'/2°T). Técnico: Waguinho Dias.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos