Bruno Silva é denunciado por acertar bolada em árbitro e será julgado pelo TJD-RJ

Veja quem são os atletas que mais acumularam cartões amarelos e vermelhos no Brasileirão até aqui

Bruno Silva e Marcelo foram denunciados nesta quinta-feira (20) pela Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD-RJ) pelas expulsões contra o Vasco, na decisão da Taça Rio, no último domingo. 

O volante acertou uma bolada no árbitro Bruno Arleu de Araújo e foi enquadrado no parágrafo 3 do artigo 254-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). O item prevê suspensão mínima de 180 dias.

O zagueiro, por sua vez, será julgado pelo carrinho em Guilherme e foi incluso no artigo 254 do CBJD por praticar jogada violenta. O julgamento da dupla será na próxima quarta-feira (26), às 18h (de Brasília).

A maior preocupação do Botafogo é no caso de Bruno Silva. Embora o meio-campista garanta que não teve a intenção de acertar o mediador do confronto e tenha inclusive pedido desculpas, o juiz relatou o fato na súmula da seguinte forma: "Chutou propositadamente com uso de força excessiva a bola atingindo o meu peito".