Bruno Gomes será julgado por expulsão contra o Cruzeiro e pode pegar mais dois jogos de suspensão

·2 minuto de leitura


O volante Bruno Gomes, do Vasco, foi denunciado pela expulsão contra o Cruzeiro e será julgado pelo STJD na próxima segunda-feira, às 13h30. Na ocasião, o jogador se desentendeu com Romulo, do time celeste, e o zagueiro Paulo chegou separando a discussão, e também levando cartão vermelho no lance. Com isso, o camisa 23 do Cruz-Maltino pode pegar um gancho de até mais dois jogos de suspensão (ele já cumpriu um).

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro


Por essa expulsão, Bruno Gomes foi denunciado no artigo 250, que está relacionado à prática de ato desleal ou hostil. Vale destacar que Paulo também foi denunciado e será julgado pelo tribunal. Depois de retornar de suspensão, o volante vascaíno voltou a ser expulso, com apenas 5 minutos de jogo diante do Goiás, no Estádio da Serrinha.

+ Da estreia no Vasco ao protagonismo: a ascensão de MT em cinco atos

No fim da partida, o jogador utilizou sua rede social para se desculpar com a torcida. Ele já cumpriu suspensão automática nas duas expulsões e não entrou em campo nos duelos contra Brusque e Confiança (SE). Na época, o técnico Marcelo Cabo analisou a situação e disse que iria conversar com o jovem atleta para não se repetir tais comportamentos.

+ Diogo Siston não é mais técnico do sub-20 do Vasco

- Acho difícil você comandar um jogo fora de casa com um jogador a menos desde os cinco minutos. Tem de mudar a proposta de jogo. Não enxergo no futebol uma equipe com inferioridade numérica comandar o jogo. Foi assim que o jogo se desenhou. Quando a gente joga em casa, você nunca viu termos um problema de banco para banco. Foi o momento do jogo. Espero que isso fique no campo. A equipe do Vasco é equilibrada. Até o jogo de hoje, não sofremos muitos cartões. Só tivemos o Bruno expulso nos jogos. Estamos atentos e vamos trabalhar internamente. O Bruno tem 19 anos e é um atleta em formação. Vamos tratar para que isso não mais ocorra - disse o treinador após a derrota para o Goiás por 1 a 0.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos