Brasileiros endinheirados batem recorde em pacotes vips para Copas

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Turistas endinheirados fizeram o país bater recorde na venda de pacotes vip para a Copa do Catar. A procura foi tão grande que os preços para quatro noites na primeira fase saltaram de US$ 7 mil para US$ 8.250. Já não há mais vagas disponíveis.

Os pacotes não incluem bilhetes aéreos, nem ingressos para os jogos (US$ 950 cada). Nas fases seguintes da competição, os ingressos vão encarecendo 25%, até a final.

Segundo o Grupo Águia, que opera esse serviço com exclusividade no Brasil e no Canadá, foram 2.500 brasileiros enviados, quase 500 a mais do que na Copa da Rússia.

"O fim da pandemia é, sem dúvida, um fator que explica esse aumento", disse Paulo Castelo Branco, presidente de projetos especiais do grupo.

Segundo ele, diferentemente dos demais locais do Catar, onde a bebida custa uma fortuna, há cerveja e alimentação incluída nos pacotes em todos os locais reservados nos estádios para os torcedores.

O Brasil só não superou em turistas o México, EUA e os vizinhos árabes, como Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos.