Brasil x Argentina: onde assistir ao vivo, prováveis escalações, hora e local; decisão da Copa América

·2 minuto de leitura

14 anos se passaram desde a última vez que Brasil e Argentina decidiram uma edição de Copa América. Na ocasião, ainda regida por Dunga, a Canarinho sobrou e bateu sua arquirrival por 3 a 0, celebrando a 8ª conquista deste torneio.

Anfitriã e atual campeã, a Seleção Brasileira quer muito o bicampeonato, mas sabe que não terá vida fácil: encara um adversário "sedento", movido (e pressionado!) pela seca de títulos que já dura 28 anos. Quem levará a melhor neste duelo de titãs?

Confira, a seguir, todas as informações sobre este clássico entre duas das maiores seleções do futebol mundial:

Onde assistir e demais informações:

Neymar e Messi: estrelas querem taça pela seleção | CARL DE SOUZA/Getty Images
Neymar e Messi: estrelas querem taça pela seleção | CARL DE SOUZA/Getty Images

A partida entre Brasil e Argentina, válida pela grande decisão da Copa América 2021, terá transmissão do canal aberto SBT e do canal fechado ESPN Brasil.

Data e hora: Sábado, 10 de julho, às 21h de Brasília
Local: Maracanã, em Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Esteban Ostojich (URU)
VAR: Andrés Cunha (URU)

Prováveis escalações

Brasil

Brasil venceu o Peru na semifinal | Buda Mendes/Getty Images
Brasil venceu o Peru na semifinal | Buda Mendes/Getty Images

Provável equipe: Ederson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva, Renan Lodi; Casemiro, Fred, Lucas Paquetá; Richarlison, Neymar, Everton Cebolinha.

Informações adicionais: nenhuma grande surpresa na escalação verde e amarela que sairá jogando na grande final da Copa América. Com Gabriel Jesus suspenso pela expulsão diante do Chile, Tite seguirá apostando em Everton Cebolinha, apesar do ex-Grêmio não ter emplacado boas apresentações nesta Copa América. Alex Sandro está recuperado de problema físico, mas deve aparecer como opção entre os reservas.

Argentina

Messi e Lautaro têm dialogado bem nesta Copa América | Pedro Vilela/Getty Images
Messi e Lautaro têm dialogado bem nesta Copa América | Pedro Vilela/Getty Images

Provável equipe: Emi Martínez; Molina, Otamendi, Pezzella (Romero), Tagliafico (Acuña); Guido Rodríguez, De Paul, Lo Celso; Nico González, Lionel Messi, Lautaro Martínez.

Informações adicionais: o técnico Lionel Scaloni não tem baixas em seu elenco para esta decisão, e o mais provável é que vejamos em campo a mesma equipe que venceu a Colômbia, nos pênaltis, na semifinal. O zagueiro Romero e o lateral Acuña aparecem em algumas prévias como 'ameaças' à titularidade de Pezzella e Tagliafico, mas é improvável que a comissão técnica albiceleste mude um lado inteiro da defesa antes de uma final.

Como chegam as equipes ao duelo

Melhor defesa da competição com apenas dois gols sofridos na campanha, a Seleção Brasileira não 'encheu os olhos' nas partidas contra Chile (quartas) e Peru (semifinal), mas competiu muito e conseguiu passar ilesa com duas vitórias por 1 a 0. Além de Neymar, a solidez defensiva e as atuações de Casemiro são os os destaques desta equipe.

A Argentina também faz uma Copa América muito competitiva. São 11 gols marcados até aqui, sendo que nove deles passaram diretamente pelos pés do melhor do mundo, Lionel Messi. Quatro gols e cinco assistências para o camisa 10, fundamental na vitória por 3 a 0 contra o Equador (quartas) e na semifinal contra a Colômbia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos