Brasil perde para os Estados Unidos e se despede do Mundial de basquete

Rodrigo Souza
LANCE!
Brasil terá que disputar o Pré-Olímpico em junho de 2020 (Foto: FIBA)
Brasil terá que disputar o Pré-Olímpico em junho de 2020 (Foto: FIBA)


O Brasil lutou até o fim, mas foi derrotado pelos Estados Unidos por 89 a 73, na manhã desta segunda-feira, em Shenzhen, na China, e está fora da Copa do Mundo FIBA 2019. A Seleção Brasileira fez um jogo duro, mas os americanos deslancharam no segundo tempo e garantiram a classificação às quartas de final do Mundial. Além da eliminação, a seleção também ficou sem a vaga olímpica e terá que disputar o Pré-Olímpico em junho de 2020.

- O mais importante é que lutamos os 40 minutos. Brigamos até o fim. Os Estados Unidos é sempre Estados Unidos. É um time muito difícil e atlético. Conseguimos segurar um certo tempo. É dar continuidade no trabalho. A nova geração está subindo e aprendendo. Para os experientes, sabemos o que tem que fazer - disse o ala-armador Leandrinho após a partida.


Com a vitória sobre o Brasil, os Estados Unidos garantiram a classificação às quartas de final do Mundial e a vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020. Com isso, os dois melhores das Américas estão definidos. Além dos atuais tricampeões olímpicos, a Argentina (que está invicta com cinco vitórias em cinco jogos) também está confirmada.

Benite lidera o Brasil em primeiro tempo equilibrado
Antes da partida, Aleksandar Petrovic prometeu que mandaria à quadra uma equipe mais física. O Brasil começou com Marcelinho Huertas, Didi Louzada, Alex Garcia, Bruno Caboclo e Anderson Varejão, e deu trabalho aos Estados Unidos com um jogo mais físico.

Atual bicampeão mundial, os Estados Unidos venceram o primeiro quarto pela parcial de 21 a 18. O armador Kemba Walker desequilibrou individualmente, enquanto o pivô Myles Turner levava vantagem sobre a marcação brasileira perto da cesta.

No início do segundo quarto, o técnico Aleksandar Petrovic foi ejetado após receber a segunda falta técnica. O Brasil, porém, conseguiu se manter vivo na partida e cresceu ofensivamente após a entrada do ala Vitor Benite, que fez 15 pontos em 11 minutos. Os americanos, no entanto, venceram o período pela parcial de 22 a 21, e foram para o intervalo vencendo por 43 a 39.

Estados Unidos dominam o segundo tempo e Brasil cai no Mundial
Na volta do intervalo, o Brasil não conseguiu reverter o quadro. O time abusou dos erros no ataque e a defesa não encaixou. Os americanos aproveitaram e abriram 11 pontos de vantagem após bola de três pontos de Marcus Smart na última bola do terceiro período.

O Brasil sentiu o cansaço no último quarto e perdeu a concentração. Logo nos primeiros dois minutos, os americanos aumentaram a vantagem para 15. A diferença chegou aos 21 pontos após bola de três pontos de Kemba Walker com quatro minutos de jogo. Com a partida controlada, os atuais bicampeões administraram o resultado até o fim e venceram por 89 a 73.

Destaques do Brasil:
​Vitor Benite: 21 pontos
Leandrinho: 14 pontos
Anderson Varejão: 14 pontos e 8 rebotes

Destaques dos Estados Unidos:
Kemba Walker: 16 pontos e 5 assistências
Myles Turner: 16 pontos e 8 rebotes
Jaylen Brown: 11 pontos

















Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também