Brasil na Copa: É hora de temer as maldições?

A vitória sobre o Paraguai na terça-feira, 28, garantiu a Seleção Brasileira a vaga para a Copa do Mundo 2018. O resultado de 2 a 0 e como ele foi construído, comandado por Neymar, só demonstra como o time nacional vive uma das melhores fases da sua história. Mas isso não representa um bom prenúncio quando se pensa em conquistar um mundial.

Não precisa nem se considerar um otimista para admitir que o Brasil, da forma como está jogando, é um dos favoritos para conquistar o torneio na Rússia em 2018. E as atuações de Neymar neste mês de março já o credenciam como candidato a Bola de Ouro deste ano. Só que a junção desses fatores deixam os mais supersticiosos de cabelo em pé.

Considerando as últimas duas décadas e meia em Copas, três tendências se consolidaram e seguiram a mesma “regra” desde 1994. E todas podem estar relacionados ao Brasil para o ano que vem: grandes favoritos não vencem o Mundial, assim como os atuais melhores do mundo, e otimismo não é bom sinal pra nossa seleção. Relembre o histórico.

COPA DO MUNDO 1994
Claudio Taffarel Roberto Baggio Italy Brazil World Cup 1994

Com o torneio acontecendo em “país neutro”, várias seleções despontaram com favoritas. A Alemanha, por exemplo, era atual campeã do mundo e ainda impunha respeito. A Itália tinha o atual melhor jogador mundo, Roberto Baggio. A Colômbia foi sensação nas Eliminatórias, até goleando a Argentina, em Buenos Aires, por 5 a 0. Mas foi o então Bola de Ouro que desperdiçou o pênalti decisivo e deu o título mundial ao Brasil, o mesmo que nas Eliminatórias havia sido derrotado pela Bolívia e conquistou a vaga apenas na última rodada, sob muitas críticas.

COPA DO MUNDO 1998
Ronaldo Nazario - World Cup 1998

Atual campeão mundial, da Copa das Confederações e vencedor das duas edições anteriores da Copa América, a Seleção Brasileira chegou com todas as credenciais para vencer o pentacampeonato. Além disso, tinha o Bola de Ouro Ronaldo, que estava voando na Internazionale. No fim, o Fenômeno sofreu a inesperada convulsão que o deixou mal para a decisão e o Brasil foi goleado por 3 a 0 pela campeã França.

COPA DO MUNDO 2002
Ronaldo Brazil Germany World Cup 2002

Na busca pelo bicampeonato, a França conseguiu cair na primeira fase sem fazer nenhum gol. A Argentina, líder disparado das eliminatórias na América do Sul, também ficou na fase de grupo, superada por Suécia e Inglaterra. E os ingleses, que tinham o melhor do mundo Michael Owen, caíram nas quartas de final. Já o Brasil, que estava no terceiro treinador diferente neste ciclo, se tornou o campeão comandado pelo desacreditado Ronaldo Fenômeno.

COPA DO MUNDO 2006
ivica olic darijo srna ronaldinho - brazil croatia - world cup 2006

Mesmo com o torneio na Europa, Brasil despontou como grande favorito. Afinal, era o maior e atual campeão mundial e tinha o “Quadrado Mágico”, com Kaká, Ronaldo, Adriano e o Bola de Ouro Ronaldinho Gaúcho. Mas quem levou foi a “zebra” Itália, que tinha um time eminentemente defensivo, sem grande estrelas.

COPA DO MUNDO 2010
Lionel Messi Argentina Spain Friendly 07092010

Novamente em “campo neutro”, as seleções de maior tradição foram vistas como favoritas para o mundial: Alemanha, Itália e Brasil, que lideraram suas eliminatórias. Todo mundo apostava também que o atual melhor do mundo, Lionel Messi, pudesse conduzir a Argentina, que foi eliminada em uma goleada por 4 a 0 para os alemães. Mas faltou tirar os olhares de desconfiança para o bom momento da Espanha, que venceu o título inédito.

COPA DO MUNDO 2014
GALLERY ONLY Brazil x Germany World Cup 2014 Thomas Müller

Mundial em casa, para afastar o Fantasma de 50. Todos os holofotes estavam apontados para a Seleção Brasileira, que teria a torcida, a tradição da camisa, uma ótima defesa e craque em ascensão Neymar. Só que o time conseguiu protagonizar outro trauma história, ao ser goleado no Mineirão por 7 a 1 para a Alemanha. A equipe germânica ficou com a taça, ao superar os argentinos e o melhor do mundo Lionel Messi, que falhou novamente ao tentar um título para sua seleção.