Brasil leva bronze no revezamento 4x50m misto, e Daniel Dias alcança a 27ª medalha em Jogos Paralímpicos

·1 minuto de leitura


O multicampeão Daniel Dias alcançou na manhã desta quinta-feira a vigésima sétima medalha paralímpica em sua carreira. O nadador voltou à piscina poucas horas depois de ficar em terceiro lugar nos 100m livre S5 e ajudou o revezamento misto 4x50m livre 20 pontos a faturar o bronze, ao lado de Patrícia Santos, Joana Neves e Talisson Glock.

O time brasileiro somou o tempo de 2m24s82 para garantir a terceira colocação. O ouro ficou com a China, que quebrou o recorde mundial e paralímpico, com 2m15s49. Os italianos fizeram 2m21s45 e asseguraram o segundo lugar.

Para o nadador Daniel Dias o Movimento Paralímpico está em plena evolução e isso foi observado hoje com os tempos das equipes.

- O Brasil está de parabéns pela prova que fez. Foi uma prova forte com adversários duros. O Movimento Paralímpico está evoluindo e que bom que conseguimos subir no pódio - afirmou Daniel.

Nas eliminatórias o Brasil garantiu a classificação com Eric Tobera, Gabriel Melone, Patrícia dos Santos e Laila Abate.

- Essa estratégia da Comissão técnica brasileira mostra que temos um time forte. Que temos uma geração que seguirá dando trabalho nos próximos Jogos - disse Dias.

O próximo desafio de Daniel será a prova dos 50m borboleta. As eliminatórias serão hoje à noite a partir das 21h44. A final está prevista para o dia 27, às 6h25.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos