Brasil garante mais três finais da natação nos Jogos Paralímpicos

·1 minuto de leitura


A delegação brasileira garantiu mais três vagas nas finais da natação nos Jogos Paralímpicos de Tóquio. Nesta sexta-feira, Phelipe Rodrigues, Susana Schnarndorf e Roberto Rodriguez vão disputar decisões da modalidade, que ocorrem na madrugada deste sábado, a partir das 5h (horário de Brasília).

+ Silvânia Costa brilha e conquista o bicampeonato paralímpico no salto em distância T11

Recordista mundial dos 100m livre, classe S10, Phelipe Rodrigues avançou à final com o quinto melhor tempo (53s44), claramente se poupando para a decisão de logo mais. Outro brasileiro da prova, Ruan de Souza ficou na quarta colocação da primeira bateria, com tempo de 56s88 e ficou fora da final.

+ Yeltsin Jacques conquista primeiro ouro no atletismo para o Brasil nos Jogos Paralímpicos de Tóquio

Susana Schnarndorf garantiu a vaga na final dos 150m medley, classe SM4, com a quinta colocação geral, com tempo de 3m06s54. Já nos 100m peito, categoria SB5, Roberto Rodriguez se classificou para a decisão com o tempo de 1m35s66, fechando a eliminatória na sexta colocação geral.

Classes da natação paralímpica:
S1 à S10 - atletas com limitações físico-motoras
S11 à S13 - atletas com deficiência visual
S14 - atletas com deficiência intelectual
*Quanto maior o grau de comprometimento, menor o número da classe

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos