Brasil defende invencibilidade no Mundial de basquete e sonha com vaga olímpica

Rodrigo Souza
LANCE!
Brasil precisa vencer os Estados Unidos para avançar às quartas do Mundial (Foto: Divulgação/FIBA)
Brasil precisa vencer os Estados Unidos para avançar às quartas do Mundial (Foto: Divulgação/FIBA)


Invicto na fase de grupos, o Brasil estreia na segunda fase da Copa do Mundo FIBA 2019, na China, na madrugada deste sábado, às 5h30 (de Brasília), contra República Tcheca. A seleção precisa de apenas uma vitória sobre os tchecos ou contra os Estados Unidos, na próxima segunda, para garantir vaga nas quartas de final do Mundial.

Na segunda fase, os times carregam a campanha da primeira parte do torneio e, por isso, a Seleção Brasileira joga por apenas uma vitória nos próximos dois jogos para avançar às quartas. A Copa do Mundo deste ano distribuirá sete vagas para os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020. A América tem direito a duas vagas diretas. Além do Brasil, Estados Unidos e Argentina estão na briga.


Como chega o Brasil?
Após vencer Nova Zelândia, Grécia e Montenegro na fase de grupos, o Brasil chega com moral para a segunda fase do Mundial. Apostando na mescla entre juventude e experiência, a Seleção tem demonstrado muita eficiência no ataque e segurança na defesa.

Na primeira fase, a experiência falou mais alto. Anderson Varejão, Alex Garcia e Marquinhos foram os principais destaques da equipe de Petrovic. No último jogo, contra Montenegro, Marcelinho Huertas liderou o time. Entre os mais jovens, Bruno Caboclo foi o melhor e sua grande atuação foi contra a Grécia, quando anulou Giannis Antetokounmpo.

Servia, Espanha e Argentina nas quartas
A segunda fase começou nesta sexta-feira. Uma das favoritas ao título Mundial, a Sérvia venceu Porto Rico e garantiu vaga nas quartas de final. Argentina, Espanha e Polônia venceram Venezuela, Itália e Rússia, respectivamente, e também avançaram.

A classificação dos argentinos periga para o Brasil. Somente os dois melhores das Américas garantirão vaga direita para a Olimpíada de 2020. Os Estados Unidos, atuais bicampeões do Mundial e tricampeão olímpico, são os grandes favoritos a ocupar um dos lugares. Com a eliminação de Venezuela e Porto Rico, brasileiros, argentinos e americanos podem se cruzar na semifinal.

MVP da NBA corre risco
Melhor jogador da temporada 2018/19 da NBA, o ala Giannis Antetkounmpo corre risco de ficar de fora da fase decisiva do Mundial de basquete. A Grécia avançou em segundo lugar no Grupo F e por conta disso precisa vencer os Estados Unidos e a República Tcheca para chegar às quartas de final. Caso não vençam os americanos neste sábado, terão que torcer contra o Brasil.









Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também