Bragantino vence Palmeiras, mostra força e assume liderança provisória

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
BRAGANÇA PAULISTA, SP, 23.06.2021 – BRAGANTINO-PALMEIRAS: Ytalo, RB Bragantinom comemora seu gol - Partida entre RB Bragantino e Palmeiras, válida pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A 2021, realizada no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, interior de São Paulo, na noite desta quarta-feira. (Foto: Beto Miller/AM Press & Images/Folhapress)
BRAGANÇA PAULISTA, SP, 23.06.2021 – BRAGANTINO-PALMEIRAS: Ytalo, RB Bragantinom comemora seu gol - Partida entre RB Bragantino e Palmeiras, válida pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A 2021, realizada no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, interior de São Paulo, na noite desta quarta-feira. (Foto: Beto Miller/AM Press & Images/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Invicto no Campeonato Brasileiro, o Red Bull Bragantino fez nova vítima nesta quarta-feira (23), em duelo pela sexta rodada. Desta vez, derrotou o Palmeiras por 3 a 1, no estádio Nabi Abi Chedid, com três gols de Ytalo.

Após vitórias fora de casa sobre Corinthians (2 a 1) e Flamengo (3 a 2), a equipe comandada por Maurício Barbieri ampliou o bom momento em Bragança Paulista e assumiu provisoriamente a liderança da competição. Soma 14 pontos, dois a mais do que o Athletico, que tem dois jogos a menos e enfrenta o Bahia nesta quinta (24).

Tivesse vencido, seria o Palmeiras o primeiro colocado ao fim da noite de quarta. Estacionada nos dez, a equipe de Abel Ferreira ficou para trás.

Mais do que a pontuação, alcançar a ponta da tabela daria maior estabilidade ao Palmeiras. O técnico português tem sido bastante cobrado desde a perda do título do Campeonato Paulista para o São Paulo e, mais recentemente, após a eliminação na terceira fase da Copa do Brasil, diante do CRB.

Contra o Bragantino, porém, o Palmeiras voltou a ter uma atuação limitada. As principais jogadas do time saíam dos pés de Gustavo Scarpa, não só o jogador mais acionado mas o único que demonstrava alguma criatividade no meio de campo.

Bem organizado, sobretudo nos contra-ataques, o time de Bragança marcou duas vezes com Ytalo, uma aos 10 e outra aos 45 minutos do primeiro tempo.

Na volta do intervalo, Breno Lopes descontou para a equipe de Abel Ferreira, aos 21 minutos, mas a reação do Palmeiras parou por aí. No final, Ytalo ainda marcou o terceiro, aos 43.

O time alviverde volta a campo no domingo (27), quando vai enfrentar o Bahia, às 20h, no Allianz Parque. O Red Bull Bragantino, por sua vez, encara o Atlético-GO, na segunda-feira (28), em Goiânia.

RED BULL BRAGANTINO

Cleiton, Aderlan (Rafael), Natan, Fabrício Bruno e Weverson (Edimar); Raul, Evangelista e Ramires; Artur, Ytalo e Helinho (Cuello). T.: Maldonado

PALMEIRAS

Vinícius Silvestre; Marcos Rocha (Breno Lopes), Felipe Melo e Renan; Mayke, Danilo Barbosa (Gabriel Menino), Raphael Veiga, Gustavo Scarpa e Victor Luís (Rony); Willian (Wesley) e Deyverson (Luiz Adriano). T.: Abel Ferreira

Estádio: Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)

Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)

Assistentes: Alex Ang Ribeiro e Daniel Luis Marques (SP)

VAR: Vinícius Furlan (SP)

Cartões amarelos: Cleiton, Aderlan e Ytalo (RBG); Marcos Rocha, Gustavo Scarpa e Breno Lopes (PAL)

Gols: Ytalo (RBG), aos 10' e aos 45'/1ºT; Breno Lopes (PAL), aos 21', e Ytalo (RBG), aos 43'/2º

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos