Braga e Wolverhampton empatam em jogo eletrizante de seis gols

Jiménez, com um gol e duas assistências, foi o grande destaque do jogo (Foto: AFP)
Jiménez, com um gol e duas assistências, foi o grande destaque do jogo (Foto: AFP)


Em meio a uma chuva intermitente, Sporting Braga e Wolverhampton fizeram um dos jogos mais animados desta fase de grupos da Liga Europa. Já classificados para fase de mata-mata, as equipes empataram em 3 a 3, graças aos gols de Jiménez, Adama e Doherty para os ingleses, e Horta, Paulinho e Fransérgio para os portugueses.

BRAGA NA FRENTE
​O placar de jogo foi aberto logo aos seis minutos de jogo, e com uma pitada grande de sorte para o Braga. Horta dominou a bola na ponta esquerda, cortou para o meio e bateu em direção ao gol. A bola desviou na zaga, ganhou altura e tirou Rui Patrício da jogada para marcar o primeiro gol do time português.

EMPATOU
Se o Braga teve sorte na hora de marcar o gol que abriu o placar, viu o azar aparecer ao sofrer o gol empate menos de 10 minutos depois. Em cruzamento perfeito vindo da ponta esquerda, Raul Jiménez ganhou da marcação e testou firme para o gol para deixar tudo igual no placar.

DOIS GOLS EM DOIS MINUTOS
E após o empate, o Wolverhampton continuou em cima do Braga, e em dois minutos viveu um grande momento. Aos 34 minutos de jogo, Raul Jiménez achou cruzamento perfeito para Doherty entrar como homem-surpresa e testar para o gol para virar o jogo. E no minuto seguinte, os Wolves marcaram o terceiro quando Adama recebeu de Jiménez, balançou a marcação e bateu forte para as redes.

NA ETAPA FINAL, TUDO IGUAL
No segundo tempo de partida, o Braga voltou com outra postura e foi em busca do resultado. Aos 20 minutos, Paulinho aproveitou grande jogada de Galeno e apenas escorou para as redes para descontar. E no minuto 34, o empate veio graças ao cruzamento de Sequeira que encontrou Fransérgio livre para testar para as redes e decretar o empate entre os líderes do Grupo K.












Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também