'Boxing Day', uma instituição muito britânica do futebol

·3 minuto de leitura
O goleiro do Liverpool, Alisson Becker, e sua defesa enfrentam jogadores do Wolverhampton em uma partida do Boxing Day em Anfield no dia 29 de dezembro de 2019

Momento muito aguardado da temporada da Premier League, o 'Boxing Day' (26 de dezembro) e o período de festas, é uma instituição que dá ao futebol inglês uma reputação mundial e uma tradição especial.

- A origem do nome 'Boxing Day' -

Oficialmente feriado desde 1871, o dia 26 de dezembro é chamado de 'Boxing Day', porque os empregados domésticos ou pessoas desfavorecidas recebiam pacotes de Natal - caixas (em inglês) - de seus patrões ou benfeitores.

Essa herança da era vitoriana também é comemorada em muitos países do Commonwealth (Austrália, Canadá, Nova Zelândia), mas às vezes também é chamada de Dia de Santo Estêvão, especialmente na Irlanda.

- Uma tradição tão antiga quanto o campeonato -

Sem que remonte aos jogos medievais, parentes distantes do futebol, disputados em feriados religiosos como a Páscoa ou o Natal, o 'Boxing Day' sempre foi uma data especial para o futebol inglês.

O primeiro jogo entre clubes, um 'derby' entre Sheffield FC e Hallam FC, aconteceu no dia 26 de dezembro de 160 anos atrás.

Vinte e oito anos depois, na temporada inaugural do campeonato inglês, que consistiu em 22 partidas, o Preston North End derrotou o Derby por 5 a 0 em 26 de dezembro de 1888.

A tradição se manteve e até a temporada de 1957-1958 era obrigatório que todas as equipes jogassem nos dias 25 e 26 de dezembro, geralmente em partidas de ida e volta entre os mesmos times.

Embora os jogos de Natal tenham sido eliminados, o período de festas de fim de ano ainda é muito movimentado, já que entre 26 de dezembro e 4 de janeiro serão disputados 30 jogos com apenas uma jornada de folga, o dia 31.

- Banquete televisivo -

Um pouco como o Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos, com o futebol americano, existe a possibilidade de evitar discussões familiares sentando-se na frente da TV.

Todas as partidas da 15ª rodada, nos dias 26 e 27 de dezembro, serão transmitidas, incluindo uma ao vivo, pela BBC no dia 26, às 12h (horário de Brasília), entre Aston Villa e Crystal Palace.

Desde 2019, os dias de final de ano também se tornaram um laboratório para a chegada de novidades. A Amazon Prime Video tem duas rodadas inteiras reservadas, incluindo a 16ª, que vai de 28 a 30 de dezembro.

- Duelos escolhidos a dedo -

O 'Boxing Day' e as festas de fim de ano são geralmente datas recheadas de clássicos ou confrontos regionais.

A vantagem vem em dobro: esses jogos geralmente garantem enormes audiências e permitem limitar os movimentos das equipes em um período de sobrecarga e onde o clima pode pregar peças.

No entanto, a programação moderna tem provocado disparidade importantes.

Neste ano, o Chelsea, que recebe dois duelos nas próximas três rodadas, percorrerá apenas trinta quilômetros para enfrentar o Arsenal, sua única partida "fora", no dia 26.

Já o Liverpool terá que enfrentar 1.300 km (ida e volta) para encarar o Newcastle, no norte, no dia 30 de dezembro, e depois o Southampton, no sul, em 4 de janeiro.

- Jogos espetaculares e decisivos -

O 'Boxing Day' costuma reservar partidas históricas. Os dez jogos da 24ª rodada no 'Boxing Day' de 1963 renderam 66 gols, incluindo um 10 a 1 para o Fulham sobre o Ipswich, um 8 a 2 para o Blackburn contra o West Ham e uma goleada de 6 a 1 sofrida pelo Manchester United diante do Burnley.

A rápida sucessão de jogos hoje em dia é uma verdadeira prova de fogo para as ambições dos clubes, que podem ver suas chances de título desaparecerem ou aumentarem graças ao 'Boxing Day'.

hap/ole/gh/aam