Bourdais faz corrida de recuperação e vence 1ª etapa da Indy 2017

O tetracampeão da Fórmula Indy Sebastien Bourdais começou a temporada de 2017 em grande estilo. Neste domingo, o francês, que defende a equipe Dale Coyne, fez uma impressionante corrida de recuperação no GP de São Petersburgo, nos Estados Unidos, e ficou com a vitória na etapa de estreia da categoria após largar na 21ª posição, a última do grid.

A vitória foi a primeira da Dale Coyne desde 2014 e a 36ª de Bourdais na categoria. O triunfo aconteceu com uma diferença de 10.3s para o seu compatriota Simon Pagenaud, da Penske, que encerrou na segunda posição. O austríaco Scott Dixon, da Chip Ganassi, fechou o pódio com o terceiro lugar, 27.4s atrás do grande vencedor.

Os representantes do Brasil na Indy tiveram corridas opostas. Helio Castroneves, também da Penske, que largou na 16ª posição, fez uma corrida de recuperação e terminou na sexta colocação. Já Tony Kanaan, que iniciou a disputa justamente na sexta posição, terminou apenas em 12º.

Outro destaque desta abertura da temporada da Fórmula Indy foi Will Power, porém, de forma negativa. O austríaco, da Penske, largou na pole position, mas enfrentou problemas durante a corrida e abandonou a prova por problemas mecânicos.

A Fórmula Indy retorna para a segunda corrida da temporada no próximo dia 9 de abril, quando será realizado o GP de Long Beach, na Califórnia, novamente em solo norte-americano.

Confira o pódio e a colocação dos brasileiros no GP de São Petersburgo:

1. Sebastien Bourdais – (FRA/Dale Coyne)

2. Simon Pagenaud (FRA/Penske) – 10s3508

3. Scott Dixon (AUS/Chip Ganassi) – 27s4985

4. Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti) – 36s1147

5. Takuma Sato (JAP/Andretti) – 36s1675

6. Helio Castroneves (BRA/Penske) – 42s0285

7. Marco Andretti (EUA/Andretti) – 49s5217

8. Josef Newgarden (EUA/Penske) – 50s0443

9. James Hinchcliffe (CAN/Schmidt Peterson) – 58s8628

10. Ed Jones (EAU/Dale Coyne) – 1min01s8611

11. Alexander Rossi (EUA/Andretti) – uma volta

12. Tony Kanaan (BRA/Chip Ganassi) – uma volta

13. J.R. Hildebrand (EUA/Ed Caspenter) – uma volta

14. Mikhail Aleshin (RUS/Schmidt Peterson) – uma volta

15. Conor Daly (EUA/AJ Foyt) – uma volta

16. Max Chilton (GBR/Chip Ganassi) – uma volta

17. Graham Rahal (EUA/Rahal Letterman) – duas voltas

18. Charlie Kimball (GBR/Chip Ganassi) – cinco voltas

19. Will Power (AUS/Penske) – 11 voltas (problemas mecânicos)

20. Spencer Pigot (EUA/Ed Carpenter) – 39 voltas (problemas mecânicos)

21. Carlos Munoz (COL/AJ Foyt) – 78 voltas (problemas mecânicos)