Bottas lamenta problemas no final e projeta GP de duas paradas na próxima semana

motorsport.com

O segundo lugar de Valtteri Bottas no GP da Grã-Bretanha de Formula 1 parecia garantido, até seu pneu dianteiro esquerdo furar nos momentos finais da prova. O finlandês precisou se arrastar para o box e trocar de pneus, e acabou não conseguindo passar Sebastian Vettel na última volta, terminando apenas em 11º.

Após a prova, Bottas estava decepcionado, falando que foi azar o que aconteceu. Mas ele também disse que arriscou, tentando controlar o problema que poderia acontecer.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também:

Em fim dramático, Hamilton supera pneu furado e vence na InglaterraTABELA: Hamilton aumenta vantagem sobre Bottas na F1 após vencer sobre três rodasHamilton revela "coração na boca" e reza na insana volta final: "Eu estava rezando para não ter problemas"

"Certamente fiquei desapontado. Foi muito azar. E onde meu pneu acabou furando, tinha toda uma volta para ir, então não foi o ideal. Sabíamos que seria um stint longo com os pneus duros. Claro que eu tentava pressionar Lewis, mas, no final, eu comecei a sentir vibrações".

"Eu avisei a equipe e, no final, eu arrisquei. Poderia ser algum problema, então tentei controlar. Mas foi assim que aconteceu, eu não tive como prever o que aconteceria".

Sobre a semana que vem, ele falou que a prova deve ser diferente. Com os compostos sendo diferentes dos de hoje, uma corrida de uma parada só não deve estar nos planos de ninguém.

"Deve ser um problema para todos. Certamente não será uma corrida de uma parada com os novos compostos. Tenho certeza que aprendemos muito para a próxima semana. Precisamos seguir em frente

PÓDIO: Hamilton vence com três rodas em GP da Grã-Bretanha maluco

PODCAST: Bastidores do futuro do GP do Brasil e os ambientes de F1 favoritos de Reginaldo Leme

Your browser does not support the audio element.

Leia também