Bottas é o mais rápido e vai largar na frente em corrida sprint da F1 em Monza

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Valtteri Bottas comemora desempenho no treino da F1
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Por Alan Baldwin

(Reuters) - Valtteri Bottas conseguiu uma "megavolta" para superar o companheiro de equipe Mercedes, Lewis Hamilton, e se classificar em primeiro, nesta sexta-feira, para a corrida sprint experimental do Grande Prêmio da Itália, no sábado.

O finlandês, cuja saída da equipe no final da temporada foi anunciada esta semana, fez uma volta de 1min19s555, com o heptacampeão mundial Hamilton 0s096 mais lento e o líder do campeonato, Max Verstappen, da Red Bull, em terceiro.

"Boom! Obrigado", disse Bottas no rádio da equipe depois que a volta o levou do quinto para o primeiro lugar no circuito mais rápido do calendário.

Mesmo com a melhor volta, o finlandês vai largar do final do grid na corrida de domingo, depois que uma troca de motor gerou uma penalidade.

Mesmo assim, ele ainda pode marcar pontos no sábado. Três pontos vão para o vencedor da corrida sprint, que conquistará a pole position para o evento principal de domingo, dois para o segundo colocado e um para o terceiro.

"Aquela volta de qualificação foi boa", disse Bottas, que se mudará para a Alfa Romeo para substituir o compatriota que se vai se aposentar Kimi Raikkonen.

"Sinto-me bem, sinto-me relaxado e está tudo resolvido para o futuro. Muito satisfeito com a equipe hoje, o carro está muito bom", acrescentou.

Hamilton está três pontos atrás de Verstappen após 13 corridas e busca reduzir a diferença para o holandês na corrida de 100 km de sábado.

"Parabéns ao Valtteri, ele fez uma megavolta", disse Hamilton. "Parecia bom para nós até o final, mas depois ele foi mais rápido e eu simplesmente não consegui igualar."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos