Botafogo segue vivo na Taça Rio, mas tem a obrigação da vitória

Ninguém tem dúvidas de que o objetivo do Botafogo é a Copa Libertadores. Tanto é, que Jair Ventura deixou de lado a Taça Guanabara e priorizou a competição sul-americana logo no início da temporada. E agora, com uma pausa na fase de grupos - o próximo desafio é apenas no próximo dia 13, contra o Atlético Nacional -, a equipe voltou as suas atenções para a Taça Rio, visando alcançar às semifinais, já que no primeiro turno não houve classificação.

Mas apesar do nível do Carioca não ser elevado, o Alvinegro não terá vida fácil em campo. Após vencer o Bangu por 2 a 0 na tarde do último domingo (26), o Botafogo chegou aos sete pontos em quatro jogos, e ocupa o terceiro lugar do Grupo B. Desta forma, a equipe comandada por Jair Ventura precisa obrigatoriamente vencer a Portuguesa e Resende para alcançar a semifinal.

Rodrigo Pimpão Botafogo x Estudiantes Libertadores 14 03 17

Teoricamente, os dois próximos duelos são fáceis, mas os jogadores precisam de muita concentração em campo. A Portuguesa, apesar de ter feito uma Taça Guanabara muito ruim, somando dois empates e três derrotas, ela cresceu de rendimento na Taça Rio e ocupa a vice-liderança do Grupo C, atrás apenas do líder Fluminense, com duas vitórias, um empate e uma derrota.

Enquanto a Lusa é mais complicada, o Resende pode dificultar o Alvinegro. Contra o Flamengo, a equipe saiu derrotada apenas aos 46 minutos do segundo tempo, com o revés por 1 a 0.

Técnicamente, o Botafogo é muito superior e tem tudo para se classificar. No entanto, a equipe precisa seguir o mesmo espírito que vem tendo em campo. Contra o Bangu, soube suportar a pressão e foi cirúrgico quando melhorou o desempenho ofensivo com Sassá.

Pela 5ª rodada da Taça Rio, o Alvinegro entra em campo na próxima quinta-feira (30), às 19h30 (horário de Brasília), em Los Larios.