Botafogo reconhece cansaço do elenco, mas rechaça a desculpa

Lamentar sim, buscar desculpas jamais. Pelo menos essa foi a opinião da maioria dos jogadores e integrantes da Comissão Técnica do Botafogo após a derrota para o Flamengo, por 2x1, no Maracanã, que gerou a eliminação da equipe no campeonato carioca. 

Ainda que tenham sido questionados sobre o desgaste físico devido o confronto no meio de semana pela Copa Libertadores e uma longa viagem de retorno, desde o Equador, os botafoguenses preferiram deixar esse assunto em segundo plano e garantiram que essa não foi a razão pela desclassificação da equipe no estadual. 

"A gente não pode botar a culpa no cansaço. Vimos pelo primeiro tempo como foi, onde conseguimos manter o 0x0 e depois pecamos em alguns detalhes. Agora é rever o que houve para que isso não se repita na Copa do Brasil e na Libertadores.", disse o atacante Rodrigo Pimpão.

A opinião é compartilhada pelo técnico Jair Ventura, que mesmo admitindo que a sequência de partidas possa ter pesado contra a sua equipe, preferiu enxergar os pontos positivos do duelo. 

"Você jogar em cima do adversário 90 minutos é muito difícil. Depois de uma viagem de 14h é mais difícil ainda. A gente sentiu o jogo e fomos buscando pouco a pouco. Se você aperta o turbo antes da hora não vai conseguir chegar. Tivemos que nos redobrar, aumentou mais o desgaste ainda, mas isso que me deixou mais feliz. Lutaram.", disse o treinador. 

Arão Flamengo x Botafogo Carioca 23 04 17

(Foto: Gilvan de Souza / CR Flamengo / Divulgação)

Ainda de acordo com Jair Ventura, o elenco lamenta a eliminação, porém fez questão de não esconder que a prioridade da temporada nunca foi o campeonato estadual. 

"Não escondemos em nenhum momento que a prioridade é a Libertadores. Lutamos muito ano passado. Ficar de fora da final nunca é bom, mas se procurar um lado bom é o lance do desgaste físico. Mas eu queria estar disputando essa final. Não estamos felizes por isso. Fica a lição, demos o máximo, time lutou, de parabéns. Fomos guerreiros, não deu.", justificou. 

Agora o Botafogo volta suas atenções para a Copa do Brasil, onde encara o Sport, na próxima quarta-feira (26), às 21h45 (hora de Brasília), no Estádio Nilton Santos.