Botafogo precisa de sequência positiva no Brasileiro para garantir vaga em torneios sul-americanos

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Após perder por 3 a 1 para o Palmeiras, o Botafogo foi ao décimo lugar no Campeonato Brasileiro, com 37 pontos. Agora, o time alvinegro se prepara para enfrentar o Avaí nesta quinta-feira (6), na Ressacada, em Florianópolis (SC), pela 30ª rodada da Série A.

A classificação atual já garantiria ao time carioca uma vaga na Copa Sul-Americana de 2023, um resultado positivo após um início de temporada turbulento -o clube alvinegro chegou até a cair para o Z4. No entanto, a equipe precisa subir ainda mais na tabela se quiser garantir uma vaga na próxima pré-Libertadores.

Tradicionalmente, o G4 da tabela garante vaga na fase de grupos do torneio continental, enquanto o quinto e o sexto colocados passam para as pré-eliminatórias. Neste ano, porém, as vagas podem ir até o oitavo colocado.

Para que isso se confirme, é preciso que os campeões da Copa do Brasil e da Libertadores estejam entre os seis primeiros do Brasileiro. O Corinthians e o Flamengo, que disputam o mata-mata nacional, estão em quarto e quinto na tabela, respectivamente, enquanto o Athletico-PR, que disputa a final da competição continental com o clube rubro-negro, está em sexto.

Segundo o Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), as chances atuais do Botafogo garantir vaga na Libertadores são de 2,3%. Para a Sul-Americana, o prospecto é maior: 62,3%. Por isso, o time alvinegro precisa de uma sequência positiva se quiser garantir a participação em alguma das competições continentais.

ESCALAÇÕES

Para o confronto desta quinta-feira, o técnico Luís Castro poderá contar com Lucas Fernandes, Luís Henrique e Patrick de Paula, ausentes na rodada anterior, assim como Marçal e Cuesta, que volta de suspensão. Por outro lado, Hugo e Del Piage receberam o terceiro cartão amarelo contra o Palmeiras, e são desfalques confirmados. O próximo compromisso do Botafogo será contra o São Paulo, no Morumbi, no domingo (9). Por isso, o time optou por viajar direto de Florianópolis para São Paulo, e utilizará os mesmos relacionados em ambas as partidas.

Portanto, uma possível escalação inicial contra o Avaí tem: Gatito Fernández; Saravia, Adryelson, Cuesta e Marçal; Tchê Tchê, Gabriel Pires (Lucas Piazon) e Eduardo; Jeffinho (Victor Sá), Júnior Santos e Tiquinho Soares.

O Avaí, por sua vez, vem de duas derrotas no Brasileiro, e luta para escapar da zona de rebaixamento. O time catarinense ocupa a 18ª posição, com 28 pontos, dois a menos que o Cuiabá, que abre o Z4, e três a menos do que o Ceará, em 16º.

O técnico Lisca poderá contar com os retornos de Bruno Silva, que cumpria suspensão, e Cortez, recuperado de lesão. Uma provável escalação inicial do time alviceleste tem: Vladimir; Kevin, Bressan, Rafael Vaz e Cortez; Sarará, Raniele e Bruno Silva; Pottker, Natanael e Bissoli.

Estádio: Ressacada, em Florianópolis (SC)

Horário: Às 20h (de Brasília) desta quinta-feira (6)

Árbitro: Paulo Cesar Zanovelli da Silva (MG)

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira de Amaral (VAR-Fifa/SP)

Transmissão: Premiere