Botafogo oferece o que Lisca pede, mas treinador recusa proposta

·1 minuto de leitura


O Botafogo voltou à estaca zero na busca por um treinador. Lisca recusou a última proposta feita pelo Alvinegro e as negociações do clube com o comandante foram encerradas.

As partes conversavam desde o começo da semana, ainda quando Marcelo Chamusca, ex-técnico do Botafogo, ainda estava no comando do Alvinegro. A diretoria do Glorioso havia feito uma proposta inicial, Lisca retornou pedindo um salário maior e o clube carioca aceitou pagar a contraproposta.

A questão é que, mesmo com o Botafogo aceitando pagar o valor que Lisca havia pedido, o treinador recusou a proposta. O Alvinegro, então, saiu da jogada e não conversa mais com o ex-comandante do América-MG.

Desta forma, o Botafogo, que então mostrava otimismo quanto a um possível desfecho positivo com Lisca, volta todas as 'casinhas' no tabuleiro da busca por um treinador. O 'Doido' era um nome de unanimidade interna e que teve boa aprovação dos torcedores nas redes sociais.

A equipe enfrenta o Brusque, pela 12ª rodada da Série B, no próximo sábado. Ainda sem saber quem será o treinador, o interino Lúcio Flávio deve comandar a equipe em Santa Catarina. Vale ressaltar que o Alvinegro só pode ter mais um treinador no decorrer do Brasileirão, diante das novas regras da competição.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos