Botafogo encara sequência decisiva em disputada por vaga na Libertadores

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Botafogo encerra as preparações para receber o Cuiabá nesta terça-feira (1º), às 19h (de Brasília), no Nilton Santos, dando início a uma sequência decisiva na busca pela vaga na Libertadores de 2023.

Para o rival mato-grossense, a partida é importante para garantir a permanência na Série A. O Cuiabá ocupa o 16º lugar, com 34 pontos -mesma pontuação do Ceará, que perde em número de vitórias e abre o Z4.

O clube alvinegro carioca ocupa atualmente a 11ª posição, com 47 pontos. Nas próximas rodadas, são dois confrontos diretos pelo G8, que garante vaga próxima edição da competição internacional: contra o Atlético-MG, atual sétimo colocado, com 51, na 36ª rodada, e contra o Athletico-PR, em sexto, com 51, na 38ª. Entre os confrontos, o Botafogo recebe o Santos, atual 12º, na 37ª.

Com o desempenho positivo que o time vem apresentando nesta reta final, o prospecto na torcida alvinegra é positivo: segundo projeções do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), o Botafogo tinha 10% de chance de ir à Libertadores pelo Campeonato Brasileiro na última rodada. Agora, já são 30,8%.

Para garantir a sequência positiva, o elenco botafoguense precisa de um feito inédito nesta terça: vencer pela segunda vez consecutiva em casa, algo que os comandados de Luís Castro ainda não conseguiram neste Campeonato Brasileiro. Na última rodada, o Botafogo venceu o Red Bull Bragantino, em casa, por 2 a 1.

ESCALAÇÕES

Para a partida desta terça-feira, o técnico Luís Castro pode voltar a relacionar Saravia e Lucas Fernandes, que estavam em transição e já treinam com o time. Por outro lado, Tiquinho Soares e Danilo Barbosa são dúvidas para a partida -a situação de ambos é incerta, visto que o time alvinegro não divulga a situação médica dos jogadores, exceto em casos específicos

Gustavo Sauer e Matheus Nascimento devem seguir em transição, enquanto Breno, Del Piage, Eduardo, Kayque e Lucas Mazenga seguem em recuperação.

Assim, uma possível escalação tem: Gatito Fernández; Daniel Borges (Rafael), Adryelson, Cuesta e Marçal; Tchê Tchê, Patrick de Paula (Victor Sá) e Gabriel Pires; Junior Santos, Jeffinho e Tiquinho Soares (Matheus Nascimento).

O Cuiabá, por sua vez, deve seguir desfalcado por Sidcley, Osorio, Uendel e Camilo, todos no departamento médico. Por outro lado, Joaquim, Denílson e Deyverson voltam de suspensão.

Uma possível formação do técnico António Oliveira tem: Walter; João Lucas, Alan Empereur, Marllon (Joaquim) e Igor Cariús; Marcão, Rafael Gava e Pepê Denílson; Deyverson (Felipe Marques) e André Luís.

Estádio: Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Horário: Às 19h (de Brasília) desta terça-feira (1º)

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS)

VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (VAR-Fifa/SP)

Transmissão: Premiere