Botafogo libera Leonardo Valencia para procurar novo clube

Sergio Santana
LANCE!
Valencia em ação pelo Botafogo (Foto: Vítor Silva/Botafogo)
Valencia em ação pelo Botafogo (Foto: Vítor Silva/Botafogo)


O Botafogo busca um acordo para resolver a situação de Leonardo Valencia. Não é novidade que o chileno está fora dos planos da diretoria do Alvinegro para 2020, como Carlos Augusto Montenegro, ex-presidente havia afirmado na reunião do Conselho Deliberativo, na última semana. O novo comitê de futebol iniciou conversas com o estafe do meio-campista para uma possível liberação do contrato.

Enquanto isto não se confirma, o Botafogo permitiu que o atleta inicie procuras para um novo clube para atuar em 2020. Leonardo Valencia tem contrato com o Alvinegro até junho e ainda não recebeu, como os outros jogadores do atual elenco, os salários referentes ao mês de dezembro e a segunda parcela do 13º.

Se o estafe do chileno não achar uma boa proposta e, consequentemente, um novo clube para Valencia, ele ficará no Botafogo. O Alvinegro, com dificuldades financeiras, não pode rescindir o contrato do meio-campista porque sabe que terá que arcar com multas, algo completamente descartado pela diretoria. Tudo vai depender, portanto, do camisa 20 encontrar um novo lar.



O Botafogo não vai oferecer dificuldades para a saída de Valencia. Além de não cobrar nenhum tipo de valor para outro clube que possa estar interessado no chileno, o Alvinegro também busca conversar com o estafe do jogador para buscar a saída menos conturbada em termos financeiros.

O desejo do Alvinegro é costurar um acordo para pagar os atrasados e liberar o meio-campista sem arcar com custos de uma possível rescisão. A verdade é que muito provavelmente Leonardo Valencia não se reapresenta para a pré-temporada do Glorioso em janeiro de 2020.

A situação é similar a que o próprio Leonardo Valencia passou pelo Botafogo na metade da temporada. O meio-campista e seus representantes haviam sentado com Anderson Barros, então diretor de futebol, responsável por avisar que o jogador estava liberado para procurar um novo clube e que o Alvinegro não iria dificultar a saída. O chileno, contudo, não encontrou uma transferência e permaneceu no clube de General Severiano.

Valencia chegou ao Botafogo com alarde, na metade de 2017, para a disputa da fase mata-mata da Taça Libertadores, após uma passagem de destaque no Palestino-CHI. Na época, o meio-campista era uma presença constante na seleção chilena - inclusive atuando na Copa das Confederações daquele ano, disputada na Rússia. No seu país natal, a imprensa dá conta de que o Colo-Colo é um possível destino.






Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também