Botafogo consegue liberação de R$ 800 mil para pagamento de funcionários demitidos


O Botafogo deu um passo considerável para quitar as rescisões dos funcionários que foram demitidos no começo do mês. Nesta segunda-feira, a Justiça do Trabalho liberou R$ 790.692,28 - praticamente R$ 800 mil -, para o clube pagar os valores com estes colaboradores.

+ Botafogo faz ação e envia novo uniforme a Rafaella Santos, irmã de Neymar

Mais de 90 pessoas foram desligadas do Glorioso, mas especificadamente 77 eram funcionários - atletas com bolsa de formação e prestadores de serviço completaram a lista.

A decisão foi da 75ª Vara do Rio de Janeiro. O Botafogo estava em contato com a Justiça do Trabalho há praticamente duas semanas. O SindeClubes, que "representou" os funcionários durante as conversas com o clube, também acompanhou as conversas.

As demissões afetaram praticamente todos os setores do clube. Com tantos cortes, a promessa interna é de estabilidade para quem ficou. Vale lembrar que o Botafogo passa por um corte de receitas pelo rebaixamento à segunda divisão do Campeonato Brasileiro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos