Botafogo cai cinco posições no Ranking Nacional de Clubes e deixa o 'Grupo I' da CBF

·1 min de leitura
'O tíquete de investimento no Botafogo deve ser maior, pois clube está na Série A', diz Trengrouse (Foto: Vítor Silva/Botafogo)


Apesar do título da Série B do Brasileirão, o Botafogo caiu cinco posições no Ranking Nacional de Clubes da CBF. A lista foi divulgada pela entidade na noite desta quinta-feira. O Alvinegro agora ocupa a 18ª colocação na lista.

+ Propostas do Botafogo, demora e destaque: a saga de Rafael Navarro até o possível acerto com o Palmeiras

Na última temporada, o Glorioso esteve na 13ª posição. O ranking leva em consideração o desempenho dos clubes em competições nacionais e internacionais nos últimos cinco anos. O clube foi ultrapassado por Fortaleza, Ceará, América-MG, Atlético-GO e Chapecoense.

Por ter caído na segunda fase da Copa do Brasil e ter disputado a Série B, que traz menos pontos, o Botafogo perdeu posições. O líder da lista é o Flamengo, seguido por Palmeiras e Atlético-MG.

O Ranking Nacional de Clubes serve, entre outros fatores, para 'separar' os clubes nos sorteios da Copa do Brasil. Os 16 melhores ranqueados ficam em um pote, enquanto os 16 ficam em outro e eles se enfrentam. O único jeito do Alvinegro, já garantido na terceira fase, ficar no 'Pote A' é com dois times melhores ranqueados com ele serem eliminados de forma precoce.

A questão também reflete financeiramente. Clubes que ocupam o Grupo I, que diz respeito aos 15 primeiros colocados no ranking, ganham uma quantia maior de premiação nas duas primeiras fases da Copa do Brasil. A partir do terceiro estágio, os valores são iguais independentemente da colocação.

O Botafogo não terá impacto em relação a isso em 2022, mas pode sentir financeiramente a partir de 2023. É importante que o clube, portanto, brigue para retornar às 15 primeiras posições do Ranking Nacional de Clubes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos