Botafogo alcança uma vaga heroica e agora busca mais: ser líder do grupo

'Demolidor de campeões', Alvinegro alcança a classificação com uma rodada por jogar e agora mira assumir a liderança do grupo 1. Pela frente, o Estudiantes-ARG fora de casa

Nesta campanha atual da Libertadores, o Botafogo pode ser considerado o "demolidor de campeões". Vitórias contra Colo-Colo, Olimpia, Estudiantes e duas contra o atual detentor do título, o Atlético Nacional. E, com isso, veio a classificação para as oitavas de final da competição continental. A última vez em que o Glorioso havia chegado nesse estágio do torneio fora em 1996.

Dentro do heroico caminho - desde a Pré-Libertadores - enfrentado pelos comandados de Jair Ventura, o próximo objetivo é ainda maior: o de conseguir a primeira colocação do grupo 1, que está com o Barcelona-EQU pelo saldo de gols. Para isso, a equipe precisa buscar vencer o Estudiantes na Argentina.

- Perguntaram para mim: "Você foi ao sorteio de meia?". Era o caminho mais complicado. E eu disse que na Copa Libertadores não se pode escolher. Conseguimos superar a fase de grupos e quem sabe possamos obter até a liderança, que faz diferença na hora do sorteio - comemorou o presidente do Botafogo, Carlos Eduardo Pereira, na saída do Nilton Santos na quinta-feira.

O elenco compartilha do mesmo pensamento do presidente: uma vaga em primeiro pode ser primordial no sorteio, além de decidir dentro de casa. Para isso, o foco passa a ser na decisão da próxima semana, dentro da Argentina.

- Teve muita gente que falou que não passávamos no mata-mata. E, hoje, estamos classificados. Se der vamos buscar a primeira posição para dar essa vantagem nas oitavas - destacou Lindoso, que deu assistência para Pimpão.







E MAIS: