Borussia Mönchengladbach tem dois casos de coronavírus

AFP
Dois casos de coronavírus foram localizados no Borussia Mönchengladbach
Dois casos de coronavírus foram localizados no Borussia Mönchengladbach

Três casos no Colônia, dois no Borussia Mönchengladbach, um no Dresden (2ª divisão): seis dos dez testes positivos para COVID-19 na Bundesliga foram localizados, sem que a Liga Alemã de Futebol (DFL) tenha publicado informações sobre os outros.

Na segunda-feira (4), a DFL anunciou a existência de 10 casos positivos para COVID-19 entre os 1.724 testes realizados no fim de semana entre os 36 clubes da primeira e segunda divisão do futebol alemão.

Nesta terça-feira (5), o jornal regional "Rheinische Post" informou, citando fontes próximas ao clube, que dois destes casos, aparentemente de um jogador e de um fisioterapeuta, aconteceram no Borussia Mönchengladbach.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Os dois envolvidos estão agora respeitando um isolamento obrigatório em suas casas, enquanto o restante do elenco do clube treina normalmente. O clube não confirmou oficialmente estas informações.

Já o Colônia admitiu na última sexta-feira que dois jogadores da equipe e um preparador físico deram positivo no teste de COVID-19. O Dresden anunciou outro caso.

Outro clube da 2ª divisão, o Erzgebirge Aue, detectou outro caso positivo em uma segunda série de testes, que se une aos 10 oficialmente anunciados pela DFL na primeira onda de exames.

A chanceler Angela Merkel e os chefes dos 16 governos regionais da Alemanha devem se reunir por videoconferência nesta quarta-feira (6) para decidir se darão o aval para o reinício da Bundesliga com portões fechados, provavelmente a partir de 15 de maio.

Leia também