De Borja até Deyverson, atacantes do Palmeiras fizeram sucesso... fora do Palmeiras

Goal.com

Alguns atacantes do Palmeiras estão fazendo bastante sucesso desde que saíram do Palmeiras, todos eles em baixa. Deyverson, Miguel Borja e Arthur Cabral foram alguns dos que saíram do Verdão pelas portas do fundo e hoje encantam em seus clubes.

Não é de hoje que o Palmeiras tem problemas em seu ataque, já são alguns anos em que o clube não consegue acertar nas contratações para o setor. No entanto, em diversos casos, longe do Palestra Itália os atacantes florescem.

Alguns destes exemplos fizeram parte do elenco palmeirense há poucos anos, veja:

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Deyverson

Deyverson - Palmeiras x Vitória - 19/08/2018
Deyverson - Palmeiras x Vitória - 19/08/2018
Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

Apesar de o atacante ter se destacado durante seu empréstimo Getafe, da Espanha, repatriar Deyverson não está nos plano do Vedrão, isso porque, antes de seguir para o clube da La Liga, o camisa 14 deu muita dor de cabeça ao alviverde.

Não foi só o desempenho dentro de campo - que foi até razoável, considerando os números: 24 gols e sete assistências em 100 jogos disputados - porém o jogador causou muitas polêmicas em seu período de Palmeiras.

No início do ano, então, ele foi liberado para procurar um novo clube e acabou indo reforçar o Getafe. Por lá, o atacante médio no Verdão foi bem. Apesar de não ter feito muitas partidas - principalmente pelo pouco tempo de permanência -, o atacante conseguiu conquistar o torcedor e, em certo momento, os palmeirenses até ensaiaram sentir saudades do jogador.

Por falta de dinheiro, porém, o Getafe decidiu não exercer o direito de compra de Deyverson, que foi liberado pelo clube.

Borja

Miguel Borja Palmeiras Godoy Cruz Libertadores 30072019
Miguel Borja Palmeiras Godoy Cruz Libertadores 30072019
Foto: Miguel Schincariol/Getty

O colombiano foi liberado para procurar outro clube, junto à Deyverson, e acabou emprestado ao Junior Barranquilla. Antes da paralisação do futebol por causa da pandemia de coronavírus Covid-19, o centroavante estava tendo boas aparições no novo clube.

Em suas três temporadas no Verdão Borja deixou a desejar, ainda mais depois de chegar repleto de expectativas, tanto do torcedor quanto do clube. Segundo um de seus treinadores no tempo de Palmeiras, Eduardo Baptista, os grandes problemas dele no clube se deram por timidez e pressão.

Arthur Cabral

Arthur Cabral treino Palmeiras 2019
Arthur Cabral treino Palmeiras 2019
Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

O garoto chegou ao Palmeiras com apenas 20 antes, depois de se destacar no Ceará. No Entanto, acabou jogando poucas partidas e não se firmou, o que o fez ser emprestado ao Basel, da Suíça. 

No novo clube, Arthur vem fazendo boas aparições e tem bons números - ele, inclusive, atingiu a meta que obriga os suíços a negociá-lo em definitivo com o Palmeiras.

Em sua época de Verdão, Arthur foi pouco usado e, parte disso, se deve ao fato de ele estar atrás de companheiros em alguns quesitos. Estes companheiros são justamente Deyverson e Borja, que eram melhores cotados por Felipão do que ele. 

Além destes três, voltando mais um pouco, outro nome aparece na lista: Lucas Barrios. O argentino saiu do Palmeiras para defender o Grêmio, onde teve uma passagem significativamente melhor.

Leia também