Bom público do jogo contra o Brusque rendeu mais de R$ 600 mil de lucro para o Cruzeiro

·1 min de leitura


A partida em que o Cruzeiro venceu o Brusque por 2 a 0 e se livrou de vez do perigo de rebaixamento à Série C, na última terça-feira, 9 de novembro, gerou um lucro líquido de R$ 605.019,08 para a Raposa. O resultado financeiro é o maior desde que se iniciou a pandemia, que tirou o torcedor dos estádios.

O bom público pagante, de 34.687 mil pessoas presente,gerou uma renda total de R$ 834.995,00. Desse valor, R$ 229.975,92 foram utilizadas com despesas, como taxas e impostos.

O valor arrecadado vai ajudar o clube a quitar salários atrasados de funcionários e atletas da base, referente ao mês de outubro, que ainda não foram pagos.

O Cruzeiro ainda tem despesas pendentes com o Mineirão os jogos contra Confiança, Guarani, Coritiba, Avaí e Londrina, que não foram pagas segundo o diretor comercial do estádio, Samuel Lloyd.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos