Em boa fase após recusar a Europa, Luiz Araújo renova com o São Paulo

Foi anunciada, nesta terça-feira, a prorrogação de contrato de Luiz Araújo com o São Paulo. Antes atleta do clube até junho de 2019, agora o atacante assinou vínculo até dezembro de 2021. Made in Cotia, local onde a equipe trabalha com as categorias de base, Araújo vive sua melhor fase no profissional e goza da marca de ser quem mais participou dos gols do Tricolor no ano.

Leia mais: Contra o ABC, São Paulo pode ter defesa vazada pelo 10º jogo seguido

Gilberto faz dois gols de cobertura e se destaca em treino

Recusar a oferta de R$ 22 milhões feita pelo Lille, da França, na última janela de transferências – Rogério Ceni foi determinante na decisão -, parece ter feito bem ao jogador. Só nesta temporada balançou as redes em cinco oportunidades e deu cinco assistências. O presidente Leco festejou o acordo e destacou os valores aplicados com as “joias” da base.

“Temos um grande futebol, porque valorizamos os nossos atletas. Não estamos tão somente atrás de trazer valores para o São Paulo com contratações, mas também dar aos nossos jogadores o devido reconhecimento e a possibilidade de aqui se desenvolverem e crescerem no futebol e na vida. Então, é uma grande alegria para o São Paulo acertar esta renovação”, afirmou o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, em nota oficial publicada pelo clube.

Valorizado, e uma das peças mais importantes do ataque de Ceni, Luiz Araújo teve uma boa transição da base para o profissional. Após disputar o Campeonato Paulista de 2016 pelo Novorizontino, e se destacar, foi reintegrado ao CCT da Barra Funda e disputou a Libertadores da América sub-20, o que lhe trouxe ainda mais bagagem. O atleta comemorou a boa fase.

“Vivo um momento maravilhoso no São Paulo, sem dúvida a minha melhor fase neste começo de carreira, e fico feliz com este reconhecimento do São Paulo. Desde a minha chegada, na base, o clube sempre acreditou no meu futebol e me deu totais condições para crescer profissionalmente. Espero retribuir todo este carinho e confiança dentro de campo, porque quero conquistar títulos aqui. Minha meta é dar alegrias ao torcedor. Estamos juntos até 2021”, celebrou o atacante de 20 anos.

Na base, coleciona um currículo vasto de conquistas por vencer: a Copa do Brasil sub-17 (2013), a Weifang Cup sub-17 (2013), a Copa do Brasil sub-20 (2015), a Copa RS sub-20 (2015), a Copa Ouro sub-20 (2015) e a Copa Libertadores sub-20 (2016).