Bisping admite que luta com GSP pode ser sua última

Bisping (esquerda) pensa em se aposentar após GSP (direita) (FOTO: Reprodução)

Atual campeão peso médio do UFC, Michael Bisping faz sua segunda defesa de cinturão em novembro, mas já pensa em pendurar as luvas. O inglês admitiu recentemente que o duelo contra Georges St. Pierre, marcado para o UFC 217, pode ser o último de sua carreira.

Bisping se tornou campeão em junho do ano passado ao nocautear Luke Rockhold e depois defendeu o título contra Dan Henderson. Mas o último capítulo da carreira do "Conde" pode ser diante de outro ídolo do esporte em GSP.

- A luta com St. Pierre vai ser grande. Todo mundo sabe quem é ele. Pode não estar no nível de reconhecimento de Conor McGregor ou Ronda Rousey mas está ali. Ele é duro, traz um novo desafio para mim. É uma luta grande, como já disse. Talvez seja a maior luta do ano (…) Então, talvez seja a minha última luta. Minha família quer que eu me aposente, meu empresário também (…) Fazemos isso por dinheiro, no fim das contas. E tenho opções fora do MMA. Já assinei para aparecer em três filmes e uma série no ano que vem - declarou Bisping ao programa do jornalista Ariel Helwani, o The MMA Hour.

Além de ter virado campeão com a vitória sobre Rockhold e ter vingado o histórico revés para Henderson, Bisping também superou Anderson Silva, além de ter conquistado a terceira temporada do The Ultimate Fighter.





E MAIS: